Alagoas, 16 de outubro de 2021 25º min 29º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
JUSTIÇA

Enfrentar o corporativismo é desafio para novo presidente do TJ

Klever Loureiro condenou o autoritarismo e defendeu uma Justiça célere

Redação

23/01/2021 07h07 - Edição 1103

O desembargador Klever Rêgo Loureiro
Caio LoureiroO desembargador Klever Rêgo Loureiro

Agora sob nova direção, o Tribunal de Justiça de Alagoas terá o desafio de enfrentar o espírito de corpo e a impunidade, vícios que têm minado a credibilidade do Judiciário e não encontram mais espaço nos tempos atuais. É o que Alagoas espera do novo presidente do TJ-AL, desembargador Klever Loureiro, que chega ao topo do Poder Judiciário com credenciais para vencer tamanho desafio. 

Abuso de direito 

Outra prática abusiva que se tornou rotineira nos últimos anos é a suspensão de execução de sentenças contra o Estado pelo tribunal, quase sempre sem provas de lesão ao erário. Praxe que tem transformado os últimos presidentes do TJ-AL em verdadeiros advogados do Estado, competindo com o chefe da PGE. 

Homem simples 

Em seu discurso de posse na presidência do TJ-AL, Klever Loureiro deu provas de que o poder jamais lhe subirá à cabeça e continuará agindo como homem simples, mas rígido na defesa de uma Justiça célere, austera e eficiente. “Afastarei quaisquer odores de autoritarismo”, disse o novo presidente do TJ, com a autoridade de seus 34 anos de magistratura sem mancha no currículo. 

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade