Alagoas, 23 de julho de 2019 23º min 26º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
MURICI

Remi Calheiros é acusado de dar calote em posto com cheques sem fundos

Redação

05/05/2019 10h10

Remi Calheiros é acusado de dar calote em posto com cheques sem fundos
Foto: Divulgação

A juíza Emanoela Bianca acatou uma ação de improbidade administrativa proposta pelo Ministério Público contra o ex-prefeito de Murici, Remi Calheiros, e seu ex-secretário de Finanças, José Gilson dos Santos. 

Segundo a denúncia, a dupla teria lesado o Auto Posto Padre Cícero com cheques sem fundos para pagar dívidas de fornecimento de combustíveis. A magistrada, entre as punições, pede a suspensão de direitos políticos dos réus por cinco anos.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir 15.6k
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade