Acompanhe nas redes sociais:

19 de Setembro de 2018

Só no site :: Política

07/09/2018 - 17:01:57

PF apura se ataque a Bolsonaro teve mandante intelectual, diz deputado

Notícias ao Minuto
Foto: Divulgação

A Polícia Federal (PF) trabalha com a hipótese de que o esfaqueamento do candidato ao Planalto Jair Bolsonaro, na quinta-feira, 6, em Juiz de Fora (MG), tenha um "mandante intelectual". A informação foi fornecida pelo deputado federal Fernando Francischini (PSL), após reunião com delegados da PF, nesta que sexta-feira (7).

Segundo o parlamentar, o superintendente da PF em Juiz de Fora, Rodrigo Teixeira, informou que os agentes apreenderam quatro celulares e um notebook com o suspeito.

Ainda de acordo com o deputado, os investigadores também estranharam o fato de o agressor ter viajado a vários estados antes de chegar a Juiz de Fora, há cerca de duas semanas. A polícia vai cruzar a agência do presidenciável com os destinos visitados pelo suspeito, para verificar se o crime foi planejado.

Adélio Bispo de Oliveira, de 40 anos, foi preso em flagrante após esfaquear Bolsonaro. Ele foi indiciado com base na Lei de Segurança Nacional, que prevê o crime de atentado pessoal por inconformismo político.

Notícias ao MinutoDivulgação

"Os dados iniciais mostram que não é aquele crime que facilmente se encerra, como uma tentativa de homicídio, com a oitiva das pessoas envolvidas. Os celulares apreendidos, o notebook apreendido, passagem por vários locais, o pagamento da pousada, são vários indícios que merecem ser aprofundados", disse Francischini a jornalistas.

Uma outra linha de investigação, ainda de acordo com o deputado, é a possibilidade de o agressor ser um "lobo solitário".

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia