Acompanhe nas redes sociais:

18 de Dezembro de 2017

Só no site :: Alagoas

09/10/2017 - 14:34:34

MP investiga desvios na Previdência de Teotônio Vilela

Da redação
Entrada da cidade de Teotônio Vilela - Foto: Divulgação

A Prefeitura de Teotônio Vilela poderá ser investigada por supostas irregularidades envolvendo o Instituto de Previdência Social dos Servidores Públicos do município (Iprecviteo). 

Segundo publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) nesta segunda-feira, o Executivo não estaria repassando o recolhimento das contribuições previdenciárias descontadas dos servidores.

Além disso, a instauração do procedimento preparatório de inquérito civil público também irá apurar o não pagamento das contribuições patronais, bem como o não pagamento de parcelamentos de contribuições atrasadas.

Devido às denúncias, o promotor de Justiça Ramon Formiga de Oliveira Carvalho resolveu autuar e comunicar a instauração do procedimento ao Ministério Público de Alagoas (MP-AL).

Carvalho também vai requisitar documentações do Iprevteo para dar prosseguimento à investigação. 

Outro lado

"Não temos problemas no nosso Iprev", diz Joãozinho Pereira

O prefeito de Teotônio Vilela, Joãozinho Pereira, rechaçou às informações de que o Instituto de Previdência do Município (Iprecviteo) teria problemas com recolhimentos e contribuições.

O prefeito afirmou que a previdência do município tem mais de 10 milhões em caixa e que a promotoria e o MP cumprem o dever de fiscalizar o que lhe é apresentado, mas que com relação ao município de Teotônio "não temos esses problemas, estamos tranquilos, pois mantemos a regularidade e funcionalidade coerente do Iprecviteo".

Ainda segundo Pereira, desde a sua candidatura, quando a mesma promotoria pediu o indeferimento, sem êxito, que o município vem recebendo uma verdadeira enxurrada de cobranças e questionamentos sucessivos. 

“Acho que têm muitas formas boas de fazer carreira e o nome sem precisar prejudicar uma gestão”, proferiu Pereira.

“Só sabe o que é gestão pública quem está de dentro. Por trás de um birô, com uma caneta na mão, tem gente que fica criando fantasias e atrapalhando nosso trabalho”, disse.

"E, enquanto várias prefeituras estão atrasando e até dividindo salários, nós pagamos rigorosamente dentro do mês  trabalhado", disse o prefeito. "Estamos à disposição para todos os esclarecimentos e enviando toda a documentação solicitada", afirmou.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia