Acompanhe nas redes sociais:

16 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 981 / 2018

24/07/2018 - 10:10:08

Meio Ambiente

Sofia Sepreny

Coleta seletiva

A coleta seletiva porta a porta implantada há um ano em Maceió aumenta 50% a renda de cooperativas na cidade. São quatro cooperativas de catadores de materiais recicláveis para fazer a coleta na casa do cidadão. Hoje são atendidos nove bairros, alcançando 18 mil residências. Há também os Pontos de Entrega Voluntária, os PEVs, onde a população pode descartar os materiais recicláveis que são posteriormente recolhidos pelas cooperativas. Além disso foi necessário a intensificação de ações de educação ambiental nos bairros atendidos. As coletas seletivas e o aumento de cooperados influenciam significativamente no meio ambiente e na geração de emprego.

Aplicativo de fumantes

Um aplicativo criado por um desenvolvedor francês e um designer gaúcho mapeia indicadores da qualidade do ar, em tempo real, de várias cidades do mundo - e os converte em cigarros. Assim, cada pessoa pode saber, de modo mais claro, qual o impacto da poluição no seu organismo. O aplicativo é o “Shit, I smoke”. O número de cigarros depende do horário em que é feita a medição e da distância em relação à estação medidora de poluição mais próxima do local.  No Brasil, apenas o estado de São Paulo possui estações que medem os níveis de poluição existentes nas cidades, portanto os dados em todas as outras cidades do país, por enquanto, serão baseados na estação paulista

Aquecimento global

De acordo com a agência de saúde da ONU, mais de 38 mil pessoas devem morrer em todo o mundo entre 2030 e 2050 por causa do calor. No mês de maio mais de 60 habitantes da cidade de Karachi, no Paquistão, não resistiram ao calor provocado por temperaturas superiores aos 40 graus Celsius. O grande responsável por este cenário preocupante é o aumento da demanda por eletricidade justamente para alimentar geladeiras e ventiladores. O problema se dá pela escassez de combustíveis fósseis, que aliada ao aumento dos termômetros, comprometem o funcionamento das usinas. A solução mais eficaz para isso é a busca por métodos sustentáveis de produção energética, como a eólica. O Nordeste é a região com maior potencial para este tipo de produção no Brasil.

Helicóptero híbrido

A fabricante de motores britânica Rolls-Royce revelou nesta semana seu projeto de desenvolver um veículo elétrico híbrido que decole e aterrize. O anúncio aconteceu no Salão Aeronáutico de Farnborough, perto de Londres. O grupo automobilístico e aeronáutico espera fabricar, nos próximos 18 meses, um protótipo de seu “táxi voador” que poderia estar ativo no começo da década de 2020. O EVTOL - Veículo Elétrico de Decolagem e Aterrizagem Vertical - da Rolls Royce teria capacidade para quatro ou cinco passageiros e poderia alcançar uma velocidade máxima de 322 km/h, com uma autonomia de voo de 805 km. 

Energia renovável

A Apple revelou um novo fundo de investimentos voltado para produção de energia limpa na China. Chamada de The China Clean Energy Fund, esta iniciativa é uma parceria com outras companhias para produção de pelo menos 1 gigawatt por meios renováveis. Ao todo, são dez empresas parceiras: Catcher Technology, Compal Electronics, Corning Incorporated, Golden Arrow, Jabil, Luxshare-ICT, Pegatron, Solvay, Sunway Communication e Wistron. O grupo pretende levantar cerca de US$ 300 milhões para investimentos no país nos quatro próximos anos, com os quais a Apple acredita que pode providenciar energia para perto de 1 milhão de residências locais. 

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia