Acompanhe nas redes sociais:

20 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 980 / 2018

17/07/2018 - 10:53:31

30 ANOS DE ELEIÇÔES EM ALAGOAS

Na Eleição Municipal de 1992, em Maceió, tínhamos à frente do Governo do Estado, Geraldo Bulhões (PSC) e do Município de Maceió, Pedro Vieira (PSC).

Marcelo BASTOS Analista político

Fatos importantes no primeiro turno das eleições em Maceió 

1)A eleição foi marcada por denúncias de fraudes e muitos recursos das coligações contra o resultado do primeiro turno das Eleições.

2)O Vereador Ronaldo Lessa (PSB) foi o primeiro colocado com uma votação de 51.430 votos e sua vice foi a professora da Ufal Heloísa Helena (PT). O impeachment de Collor foi fator preponderante para a vitória de Lessa. Ele incorporou o anti-Collor no processo eleitoral e mostrou durante a campanha que entre os três candidatos, o único ao longo da história que nunca esteve com o Collor foi ele.

3)O deputado estadual José Bernardes (PFL) foi o segundo colocado, com uma votação de 49.430 votos e seu vice foi o vereador Ardeval Viana (PSC). Apesar do apoio do prefeito Pedro Vieira (PSC), que era bem avaliado pela população, a pecha de ser o candidato do presidente Collor e o desgaste do governador Geraldo Bulhões foram fatores determinantes para a sua derrota.

4)O senador Teotonio Vilela Filho (PSDB) foi o terceiro colocado com uma votação de 47.341 votos e seu vice foi o vereador Marcos Vasconcelos (PMDB). Apesar da sua excelente votação, ele como candidato também de oposição, não conseguiu incorporar como o candidato anti-Collor e esse fator fez ele não chegar no segundo turno das eleições.

Fatos importantes 

no segundo turno 

das eleições em Maceió 

1)Com a morosidade do TRE e TSE em julgar os vários recursos das coligações contra o resultado do primeiro turno das Eleições, fez a eleição do segundo turno que seria no dia 15 de novembro de 1992 serem remarcadas para 10 de janeiro de 1993.

2)No dia primeiro de janeiro de 1993, seria empossado o novo prefeito de Maceió, porém com o adiamento do segundo turno das eleições para 10 de janeiro de 1993, a presidenta da Câmara dos Vereadores, vereadora Rita Correia (PMDB), assume interinamente a Prefeitura.

3)O vereador Ronaldo Lessa (PSB) foi o primeiro colocado com uma votação de 97.770 votos. Com o sentimento de oposição que nutria o eleitorado de Maceió, como o candidato que incorporou o anti-Collor e a união de toda a oposição, foram fatores decisivos para a sua consagradora vitória.

4)O deputado estadual José Bernardes (PFL) foi o segundo colocado com uma votação de 50.241 votos. A pecha de ser o candidato de Collor, abandonado por quase todos que o apoiaram no primeiro turno e o desgaste do governador Geraldo Bulhões, foram fatores determinantes para sua humilhante derrota.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia