Acompanhe nas redes sociais:

17 de Julho de 2018

Outras Edições

Edição nº 980 / 2018

14/07/2018 - 07:20:00

Rui Palmeira ameaça anular contratos com empresas

Prefeito decreta intervenção parcial para saber valor real da arrecadação

Vera Alves [email protected]
Transporte urbano tem contrato bilionário descumprido por empresas

Devedoras de quase R$ 21 milhões à Prefeitura de Maceió, as quatro empresas exploradoras do transporte urbano da capital estão ameaçadas de perderem os contratos assinados há quase três anos. A definição sobre se continuarão ou não explorando os serviços deve se dar em janeiro do próximo ano, quando terminam os 180 dias de intervenção parcial decretada na terça, 10, pelo prefeito Rui Palmeira (PSDB). 

O decreto da intervenção – nº 8598, publicado na quarta no Diário Oficial do Município – deixa claro a motivação econômica que levou a prefeitura a atender, em parte, o que Ministério Público Estadual e Ministério Público de Contas pediram em maio último por meio de recomendação conjunta na qual enumeraram as diversas irregularidades no sistema de transporte público de Maceió.

Leia mais no jornal EXTRA nas bancas!

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia