Acompanhe nas redes sociais:

25 de Setembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 969 / 2018

02/05/2018 - 15:59:25

Do campo para a cidade

as flores colorem o Centro de Maceió

assessoria
Mais de 150 espécies de flores e plantas ornamentais estão à venda até o domingo no estande montado na Praça Dom Pedro II, no Centro de Maceió

É outono e ainda falta muito para a primavera, mas o perfume e o colorido das flores já encantam aos que passeiam pelo Centro de Maceió e se deparam com o Festival das Flores de Holambra. Com mais de 150 espécies de flores e plantas ornamentais, o evento acontece na Praça Dom Pedro II, em frente à Assembleia Legislativa, até o dia 29 de abril. . Cactos,ervas aromáticas, bonsais e as plantas coloridas são os que mais conquistam o público, denominados pelo coordenador do evento, Felipe Magalhães, como o “carro chefe da atração”. Além destes, as orquídeas são apontadas como as plantas que “conquistaram um carinho especial em Maceió”, diz Hugo Leite, membro do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal em Alagoas, que faz parceria com o Festival.

A proposta é levar para o público urbano o contato mais próximo com as flores, a preços acessíveis, principalmente aquelas que são raras em terras alagoanas. Para Felipe Magalhães, a exposição em Maceió “já é um sucesso porque a cidade não é somente conhecida pelas praias de águas cristalinas, mas também pelos alagoanos apaixonados por plantas ornamentais”. 

 Estima-se que mais de 40 mil pessoas compareçam ao Festival até o próximo domingo, dia 29. O público abrange pessoas desde crianças, a jovens e adultos de todas as idades. Dentre elas está Laíse Teixeira, que compareceu ao evento e levou consigo uma orquídea de cor laranja para cuidar dentro de casa e depois em um orquidário.

 E a vontade de adquirir mais plantas continua: ela assegura que retornará ao evento para comprar outras. “É muito bonito de se ver, porque o festival traz espécies diferentes das que temos por aqui. E tudo é bem organizado,  limpo e atrativo para quem está no Centro da cidade. Virei para comprar outra orquídea para presentear”, diz Laíse. 

“O público jovem tem aparecido muito no festival e demonstrado mais seu lado romântico e voltado para o consumo natural”, observa Hugo Leite, que acrescenta que no local, existe uma equipe treinada do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal para orientar a população sobre os cuidados com as plantas. 

Outras espécies tradicionais tomam conta da praça. São elas: samambais, cactos, rosas, begônia, tuias, bonsais, carnívoras e ervas medicinais.A exposição conta com muitas novidades de frutíferas, palmeiras e rosas do deserto. Caminhões e mais caminhões chegam durante todo o evento para trazer novas espécies e fazer a reposição de outras.

Holambra

A cidade de Holambra fica no estado de São Paulo, é considerada a capital nacional das flores e conhecida internacionalmente por ser a maior produtora de flores e plantas ornamentais do país. O município possui apenas cerca de 15 mil habitantes, mas 50% de sua produção colore e perfuma  casas, jardins, espaços públicos e campos de todo o país. Sua área rural corresponde a 40 km². Os campos floridos são sua principal atração turística. 

O Festival das Flores de Holambra é um dos maiores eventos de feira livre de flores do país, percorrendo centros como Aracaju, Salvador, São Paulo e Recife. A meta é aumentar este número para 20 cidades até 2019. Em Maceió, o evento virá novamente em Setembro de 2018, época em que se celebra a primavera.

“Hoje temos a alegria de receber um evento dessa magnitude em nossa capital, porque Maceió, além de ter sua beleza, que já é natural, pode atenuar essa beleza com a presença das flores”, expõe Hugo Leite. 

Centro Espírita 

Beneficente União 

do Vegetal

Parte da renda arrecadada com a venda das flores será destinada à organização, que age, sem fins lucrativos. O trabalho do Centro é voltado ao desenvolvimento da espiritualidade de seus membros, por meio de suas virtudes intelectuais e morais, abrangendo pessoas de todas as raças, credos, sexos, ou classes sociais. 

O centro existe em todo o país, e em Alagoas, ele está situado no município de Marechal Deodoro, na Região Metropolitana de Maceió. 

Além do trabalho espiritual, o centro desenvolve ações de formação de plantadores, cujos voluntários trabalham na realização e orientação aos cuidados das plantas no Festival de Flores de Holambra.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia