Acompanhe nas redes sociais:

19 de Setembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 968 / 2018

24/04/2018 - 22:45:03

O atrevimento do ex-presidente preso

JOSÉ ARNALDO LISBOA

O nosso Supremo Tribunal Federal- STF, “está como um cego em tiroteio”, sem saber como resolver os problemas jurídicos mais importantes e que carecem de urgência. Atualmente o brasileiro está sem segurança jurídica, pois seus ministros não estão sabendo julgar e o que fazer depois da condenação e prisão do ex-presidente Lula. Os senhores ministros estão sem saber se o ex-presidente Lula vai ou não vai poder se candidatar à Presidência da República. Isto está acontecendo porque o STF, em 2016, disse que os condenados em 2ª instância deverão ser presos e não poderão se candidatar nas próximas eleições. O pior de tudo, é que eles dizem uma coisa e depois mudam suas opiniões. A bagunça se instalou, também, nesse tribunal, pois, isso acontecendo, todas as autoridades que já estão presas irão ser soltas, imediatamente. Vejam a que ponto chegou o nosso país!

Todo o Brasil já sabe que o ex-presidente Lula disse num dos seus discursos que os ministros do STF “se acovardaram” ao deixar que ele fosse obrigado a prestar depoimento perante a Polícia Federal. Ora, os homens com “H” maiúsculo não aceitam ser chamados de covardes, principalmente se ele for de formação sertaneja, daqueles matutos que não gostam de conversinha fiada, “no pé do ouvido”.  E o pior de tudo é que os senhores ministros nada disseram, nada reclamaram e continuaram em silêncio, como se nada tivesse acontecido. Dentre todas as faltas de respeito já acontecidas, essa ultrapassou todos os limites de tolerância para com o STF. Foi uma “suprema” falta de respeito aos maiorais da Justiça brasileira. È um absurdo um condenado chamar de “covarde” um ministro ou todos os ministros de uma Suprema Corte. Tomara que os senhores ministros demonstrem que não são tão “covardes” assim como disse o ex-presidente preso. 

Com o acontecido, nada mais falta acontecer em termos de desmoralização das nossas instituições. O Sr. Lula já está enfrentando processos, tendo os senhores ministros como julgadores, os mesmos que foram chamados por ele de “covardes”. O Sr. Lula sempre foi ousado e falastrão, porém, dessa vez, passou dos limites, em frontal desrespeito ao Supremo Tribunal Federal. Agora, vamos esperar os futuros acontecimentos para sabermos se realmente,o Lula tinha razão, quando dizendo que os nossos ministros se “acovardaram”. 

Em tempo – O meu conterrâneo de Mata Grande, Dr. José Luiz Malta Gaia, é um dos leitores dos meus artigos no EXTRA. Isso me deixa agradecido. 


Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia