Acompanhe nas redes sociais:

22 de Setembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 937 / 2017

04/09/2017 - 20:55:23

O fim do mundo está chegando!

JOSÉ ARNALDO LISBOA

Há pouco tempo eu escrevi um artigo sobre este mesmo assunto, quando afirmando que o fim do mundo está bem próximo. Foi, portanto, uma repetição, já que eu também disse não ser nenhum dos profetas como foram Isaias, Ezequiel e Jeremias. Como disse no artigo anterior, eu não quis me expor, a ponto de me tornar ridículo, ao fazer “profecias”, porém vou mostrar a todos vocês algumas coisas estranhas que já aconteceram e que ainda estão acontecendo. Quando eu fiz declarações anteriores, logo no domingo, um dos amigos de bate-papo na Barraca Pedra Virada, na Ponta Verde, leu meu artigo e foi logo dizendo que eu estava doido. Ora, eu não fui discutir com ele, mas, se no fim do mundo eu for com ele para o inferno, eu irei pedir a Lúcifer para deixar ele num fogaréu maior.  

Tudo que vou dizer tem base nos acontecimentos testemunhados por todos vocês que assistem televisão, que ouvem rádios, que leem jornais, que acompanham as redes sociais e que assistiram às últimas catástrofes em Portugal (fogo), nos Estados Unidos (água), no Japão (terremoto), no Brasil (roubalheira) e muitos outros locais do mundo. Eu não sou nenhum vidente, nenhum bruxo ou adivinho, porém, algumas evidências me fazem crer que já estamos no fim do mundo, diante do fogo, da água, da violência e das propinas. Nós estamos acostumados a dizer que ninguém sabe quando o mundo vai acabar, pois só Deus sabe. Tudo bem, e por que não está começando agora?  

Vejam. Alguns sinais já estão muito evidentes, principalmente nos últimos anos, com presidentes, senadores, deputados federais, ministros, prefeitos e executivos roubando descaradamente. É o fim do mundo! Vejam, estamos assistindo ao ex-presidente Lula sendo agraciado pelas melhores universidades americanas e europeias.  O tal do “honoris causa” que antes tinha valor, já foi para o beleléu! Já estamos vendo o fogo destruindo residências, com água inundando cidades, com as bombas matando inocentes e com presidentes aumentando o número das armas nucleares para as derradeiras guerras.  

Estamos com um deficit de bilhões de reais, com 14 milhões de desempregados e com a indústria automobilística parando suas máquinas. Estamos com hospitais que já não suportam receber tantos doentes. São coisas próprias do fim do mundo! Até os insignificantes mosquitos estão matando pessoas e deformando crianças inocentes. Chegamos ao ponto de reis, rainhas, imperadores e presidentes respeitarem os mosquitos. Estamos no fim do mundo com a hidroelétricas sem água para movimentar as suas turbinas. É o fim do mundo quando o povo diz que o ex-presidente Lula “é o maior vulto da História do Brasil”. 

As drogas estão dominando o mundo, e o fim dele é assim mesmo, com prisões de autoridades poderosas, com filhos matando pais e crianças se transformando em bandidos. Vejam que já chegaram os novos “apóstolos”, “bispas”, “missionários” e gente dizendo que é o próprio Jesus Cristo. Estão curando câncer com copo de água e tirando doentes das cadeiras de roda. É ou não é o fim do mundo?  

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia