Acompanhe nas redes sociais:

23 de Setembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 931 / 2017

26/07/2017 - 22:30:17

Economia em Pauta

Bruno Fernandes

Mulheres no poder

O número de mulheres contratadas com carteira assinada no mês de maio superou em 9.372 o volume das que foram demitidas no período. Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), foram admitidas em maio 473.915 mulheres e demitidas 464.543. No entanto, no acumulado do ano, o saldo entre admissões e demissões femininas está negativo em 6.836.

Demissão na Caixa

A Caixa Econômica Federal reabriu na segunda-feira, 17, o programa de desligamento voluntário. Segundo a Caixa, “o objetivo é ajustar a estrutura ao cenário competitivo e econômico atual, buscando mais eficiência no banco”. O período para adesão é até o dia 14 de agosto. A opção pela adesão fica a critério do empregado.

Maceioenses endividados 

Segundo levantamento elaborado pelo Instituto Fecomércio, cerca de 21,2% da população economicamente ativa de Maceió não está pagando suas contas. A redução de dois pontos percentuais da Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor de Maceió (PEIC) é fruto da leve recuperação dos empregos no setor de serviços e do FGTS inativo que ainda deve pagar no mês de julho R$ 10 milhões para 12 mil pessoas em Alagoas.

O pior banco 

O Banco Central divulgou a lista de bancos com as maiores taxas de reclamações na segunda-feira, 17. Na lista, a Caixa Econômica Federal lidera o ranking de reclamações contra instituições financeiras referentes ao segundo trimestre de 2017. O banco registrou índice de 29,11. Em segundo lugar aparece o Santander (28,58) e, em terceiro, o Bradesco (24,45). Nesta lista, estão os bancos e as financeiras com mais de 4 milhões de clientes.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia