Acompanhe nas redes sociais:

20 de Setembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 906 / 2017

24/01/2017 - 08:08:10

Governo vai construir Centro de Referência e Especialidades em Palmeira dos Índios

Unidade orçada em R$ 3 milhões vai atender moradores de oito municípios do Agreste

Josenildo Törres Fotos: Reprodução Núcleo de Arquitetura da Sesau

Em visita a Palmeira dos Índios nessa terça-feira (17), quando assinou ordens de serviço para minimizar os efeitos da seca que castiga a região, o governador Renan Filho anunciou a construção de um Centro de Referência e Especialidades no município. A nova unidade, que irá contar com estrutura moderna e equipamentos de última geração, representa mais um investimento arrojado na saúde pública de Alagoas. 
Orçado em mais de R$ 3 milhões, o Centro de Referência e Especialidades de Palmeira dos Índios será construído com recursos do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecoep). O projeto, que já foi elaborado pelo Núcleo de Arquitetura da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), deve ser encaminhado para licitação no próximo mês de fevereiro.


Após este trâmite, a obra deve ser iniciada em terreno doado pela Prefeitura de Palmeira dos Índios. Quando estiver concluído, o novo equipamento de saúde deverá beneficiar mais de 152 mil alagoanos. Isso porque, além da população de Palmeira dos Índios, serão atendidos na unidade, os moradores de Belém, Cacimbinhas, Estrela de Alagoas, Igaci, Maribondo, Minador do Negrão e Tanque d’Arca.
“A população do interior é carente de centros de especialidades para diagnóstico. Atendendo a uma determinação do governador Renan Filho, a equipe técnica da Sesau elaborou o projeto de um Centro de Referência e Especialidades em Palmeira dos Índios, que atenderá moradores de oito municípios do Agreste alagoano”, ressaltou a secretária de Estado da Saúde, Rozangela Wyszomirska.


SERVIÇOS
O Centro de Referência e Especialidades de Palmeira dos Índios irá contar com serviços de Raios X, Eletrocardiograma e Tomografia. Na unidade, a população terá acesso a diversas especialidades médicas, como cardiologia e gastroenterologia, além de assistência psicológica, fisioterápica e fonoaudióloga.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia