Acompanhe nas redes sociais:

25 de Setembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 901 / 2016

12/12/2016 - 20:26:06

Sururu

Máfia do carimbo

Os cartórios ajuizaram mandado de segurança contra a decisão do presidente do Tribunal de Justiça que reduziu as taxas cobradas para registro de imóveis. Vale lembrar que em Alagoas, estado mais pobre do país, os cartórios cobram os valores mais caros do Brasil. Com a palavra, a Corregedoria do TJ.

Temer socorreu           Renan

Michel Temer pressionou o STF para manter Renan Calheiros no comando do Senado.

Segundo a imprensa, o Palácio do Planalto disse que não iria i interferir no processo para não tomar partido de uma ala e se desgastar com outra. Nos bastidores, porém, aliados de Temer decidiram traçar a estratégia para socorrer Renan.

O argumento usado por Michel Temer é a necessidade de aprovar a PEC 241. (Diogo Mainard) 

Manobra

A manobra para resgatar Renan Calheiros “foi costurada pela presidente do STF, Cármen Lúcia, e pelo menos outros quatro ministros”, segundo o Estadão.

Dois deles atuaram clandestinamente como advogados do presidente do Senado.

Segundo o jornal O Globo,  Renan Calheiros conversou por telefone com um ministro do STF na segunda-feira, após saber que havia sido afastado. 

Logo depois, ele conversou por telefone com outro ministro do STF, que o orientou a não receber o oficial de Justiça. 

Olhar de Nise

Olhar de Nise está em cartaz no Cine Odion, no Rio de Janeiro, onde ficará até o dia 14. O documentário, que conta a historia da psiquiatra alagoana Nise da Silveira, foi um dos filmes mais premiados e selecionados nos festivais de cinema da Europa e dos Estados Unidos em 2016.

Veja em crise? 

A Veja, que tinha tradição de entrega pontual da revista aos assinantes, já não é mais a mesma. É o caso do alagoano Antônio Ramos Barbosa Filho que há seis meses não recebe sua assinatura e nem explicações. Ou é negligência do distribuidor em Maceió ou a crise deve ter afetado a Editora Abril. 

Amigos para sempre

Nos corredores do Tribunal de Contas corre a versão de que a conselheira Maria Cleide irá votar em Anselmo Brito, seu maior inimigo naquela corte. Durante sua gestão na Corregedoria do tribunal, Cleide foi acusada por Brito de improdutiva e fraca, o que levou a conselheira a chorar em plenário. A eleição da nova diretoria do TC ocorrerá no próximo dia 15. A conselheira Maria Cleide é candidata a vice-presidente da corte e  Anselmo Brito disputará o cargo de diretor da Escola de Contas Públicas. Quem viver, verá.  

Caça às bruxas

Junqueiro vive dias de pânico entre o funcionalismo municipal. É que a gestão Fernando Pereira-Carlos Augusto ainda não engoliu ter vencido o pleito de 2 de outubro por apenas 3 votos de diferença contra o comerciante Leandro Silva. Resultado: demissões sem justa causa.

Um dos atingidos é o professor José Ivonaldo e Silva. 

Com mais de 28 anos de magistério e mesmo sendo concursado, ele foi exonerado do cargo. Motivo: foi candidato a vereador pela coligação Muda Junqueiro, que teve Leandro como candidato a prefeito contra Carlos Augusto.

Caça às bruxas 2

E as perseguições não se limitam a servidores municipais que tenham apoiado a candidatura de Leandro. Comerciantes da feira de Junqueiro favoráveis a ele também estão sendo perseguidos, inclusive com a apreensão de mercadorias por parte de fiscais da prefeitura durante operações tidas como suspeitas e arbitrárias.

Paz e amor

Ainda sobre Junqueiro, a pergunta que não quer calar é: quanto tempo vai durar o clima de paz entre os Pereira e Tavares? Inimigos políticos há décadas, eles se juntaram na eleição deste ano e fizeram o prefeito – Carlos Augusto – e o vice – Zé Tavares.

Resta saber se tanto love vai resistir às mágoas de anos de guerra política.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia