Acompanhe nas redes sociais:

19 de Setembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 893 / 2016

17/10/2016 - 16:35:00

ABC do Interior

Roberto Baia

O “tapa” da vergonha

Não tem como não responsabilizar a prefeita Conceição Tavares e o candidato eleito, Eduardo Tavares pela agressão contra o ex-prefeito de Traipu, Marcos Santos – Marquinhos.

Certamente, o tapa que Marcos levou no rosto de um policial PM que fazia bico para os Tavares como segurança, foi aplicado com a complacência do poder político que a prefeita exerce no município e do seu primo Eduardo Tavares, que é procurador licenciado e possui grande influência no meio jurídico e policial.

Uma grande mentira

Ora, o próprio segurança agressor aparece em vídeo, gravado por familiares de Marquinhos e que caiu como uma “bomba” nas redes sociais, gritando que eles e seus colegas estavam no local a serviço do GECOC (Grupo Estadual de Combate às Organizações Criminosas) e do CONSEG (Conselho de Segurança), o que comprovadamente é uma grande mentira.

Hora de agir

Independente da situação de Marquinhos, que responde algumas ações na justiça por improbidade, ele foi agredido de forma covarde e cruel e as autoridades alagoanas precisam agir com o rigor da lei para dar uma resposta à sociedade.

No ar, fica a pergunta: será que o poder da prefeita e do seu primo Eduardo Tavares, não é responsável por um desequilibro nas eleições em Traipu? Bem, com a resposta as autoridades da Justiça Eleitoral.

Perdeu a vaga?

Do colunista Berg Moraes: O ex-vereador Júnior Miranda (PSL) poderá perder a sua cadeira na Câmara Municipal, conquistada através dos 1.885 votos recebidos na última eleição. Acontece que Miranda se desincompatibilizou da função que exerce no Senado Federal fora do prazo estabelecido pela Justiça Eleitoral. O autor da ação que poderá “tomar” a cadeira no legislativo palmeirense de Júnior Miranda é o ex-secretário de Educação Luiz Lobo.

Arapiraca

A prefeita de Arapiraca, Célia Rocha (PSL), teve o seu trabalho de apoio à primeira infância reconhecido mais uma vez pelos vereadores do município.

Com os trabalhos dirigidos interinamente pelo segundo-secretário, Ronaldy Vital Rios (Roninho), pelo vice-presidente Sérgio do Sindicato, Moisés Machado e Josias Albuquerque, a Câmara Municipal de Arapiraca, realizou, na noite de terça-feira (11), sua primeira sessão ordinária da semana.

Justa homenagem

Dentre os projetos aprovados, o destaque ficou por conta do Projeto de Decreto Legislativo, de autoria da Mesa Diretora, concedendo no âmbito do município o título de Embaixadora do Programa Arapiraca Garante a Primeira Infância (Agapi) à prefeita Célia Rocha.

A honraria é um reconhecimento do Poder Legislativo de Arapiraca pelo destaque da prefeita nas atividades voltadas para o bem estar físico, mental, afetivo, cognitivo e social da família das gestantes e das crianças de até seis anos de idade.

Laços familiares

Ainda de acordo com o projeto, a homenagem será efetivada através da entrega de um diploma e uma placa à prefeita Célia Rocha.

O Agapi foi lançado no ano de 2013, pela prefeita Célia Rocha, e faz parte de um programa voltado para o fortalecimento dos laços familiares, cuidados com as gestantes, recém-nascidos e o acompanhamento especializado para o desenvolvimento físico e intelectual das crianças de Arapiraca.

Criança feliz

No último dia 5 deste mês de outubro de 2016, o governo brasileiro lançou com o apoio de parlamentares, organismos internacionais e sociedade civil, o Programa Criança Feliz, tendo como referência o Programa Agapi de Arapiraca e outro semelhante na cidade de Pelotas, no Rio Grande do Sul.

Compra de votos

A tese do Ministério Público Eleitoral já foi aceita pela maioria dos desembargadores eleitorais na sessão de julgamento do deputado estadual Marcos José Dias Viana, conhecido como Marquinhos Madeira, pelo crime de abuso do poder econômico por compra de votos nas eleições de 2014. Pedido de vistas suspendeu o julgamento, mas seis desembargadores já votaram.

Será condenado

Por maioria de votos, cinco dos seis já proferidos, o Tribunal Regional Eleitoral deve condenar Marquinhos Madeira conforme pedido formulado pelo MPE na ação de impugnação de mandato eletivo. Segundo a acusação, há provas da compra de votos e da grande quantidade de eleitores que teriam sido corrompidos, mostra-se caracterizado o abuso de poder econômico que dá ensejo à cassação do diploma.

Julgamento

O julgamento deve ser retomado próximo dia 20 de outubro, conforme assegurou o desembargador eleitoral Fabio Gomes, que pediu vistas. Mesmo com a suspensão do julgamento, o deputado estadual deve ficar inelegível. Falta apenas Gomes julgar. O processo, que já havia saído de pauta em agosto por pedido de vistas, voltou a ser julgado.

PELO INTERIOR

... Do blogueiro Berg Morais: O resultado da disputa proporcional em Palmeira deixou muita gente boquiaberta com a renovação da Câmara Municipal. Val Enfermeiro (PMN) surpreendeu a todos com sua votação. 

... Ele, que mal tinha o dinheiro para abastecer sua motocicleta, foi o mais votado. E muitos que gastaram até o que não tinham e se escoravam no mandato ou em nomes de famílias tradicionais, sequer ficaram na suplência.

... Além de ser o vereador mais votado do município, Val Enfermeiro é o primeiro vereador do país a ser morador do programa Minha Casa, Minha Vida. 

... Além disso, outro fato que chama atenção é que ele foi eleito sem o próprio voto. Isso porque às vésperas da eleição ele foi vítima de um acidente automobilístico, fato que o motivou a usar as redes sociais para apelar pedindo votos, mesmo em internamento hospitalar.

... Mal acabou a eleição e já foram iniciadas as articulações com vistas ao comando da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Palmeira para o biênio 2017/2018. O prefeito eleito Júlio César (PSB) tem maioria na Casa e comenta-se que o preferido dele para sentar na cadeira de presidente é o vereador Agenor Leôncio (PSB).

... Júlio Cezar não terá dificuldades para aprovar seus projetos no Legislativo a partir de janeiro de 2017. Isso porque dos 15 vereadores, apenas os do PMDB: Ade-laide França, Joelma Toledo e Pedrinho Gaia, poderiam fazer oposição ao novo governo. 

... Poderiam, porque a tendência é que eles adotem uma postura neutra. Pedrinho Gaia, já confirmou que seu posicionamento será neutro e que “vai votar em projetos que sejam o melhor para Palmeira”. Os outros dois só o tempo irá dizer.

... A nova sede da Agência Reguladora de Serviços Públicos de Alagoas (Arsal) já está funcionando no município de Arapiraca, descentralizando os serviços e beneficiando os usuários das áreas reguladas e transportadores complementares intermunicipais do Agreste e Sertão. 

... Localizado na Rua Padre Jeferson de Carvalho, 576, no Alto do Cruzeiro, o órgão funciona de segunda a sexta, das 8h às 17h.

... Antes, a Arsal possuía apenas um posto de atendimento no Terminal Rodoviário de Arapiraca. A mudança para um local maior possibilitou a ampliação dos serviços prestados e maior conforto para permissionários e cidadãos em geral.

... Na nova sede, os transportadores podem solucionar demandas como: impressão de boletos, renegociação de débitos, consulta e abertura de processos, emissão de certidões, entre outras, sem a necessidade de se deslocarem para Maceió.

Aos nosso leitores, desejamos paz, saúde e descanso neste final de semana. Até a próxima edição!!!

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia