Acompanhe nas redes sociais:

15 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 884 / 2016

16/08/2016 - 10:39:54

S.O.S Alagoas

Cunha Pinto

Criança feliz

Ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra, apresentou na terça-feira da semana passada (2), em Brasília, uma minuta do decreto que institui o Programa Criança Feliz.  A proposta é ampliar a proteção social na primeira infância para a faixa etária até 6 anos de vida. 

Quesitos fundamentais

Secretário Antônio Picaud define o Criança Feliz com propostas fundamentais em áreas que tratam das políticas de assistência social, educação, cultura e direitos humanos. Antecipa na defesa confiança de ganhar repercussão positiva na sociedade.

Procurados

Policia Federal divulgou lista com os 10 nomes e fotos de foras da lei mais procurados no estado. Informações para quem queira ajudar sobre o paradeiro deles podem ser enviadas a  [email protected]  e telefone 61 99262-8532.

Atenção às leis

Candidato nas eleições municipais de outubro que na campanha ofereça vantagens pessoais a eleitor fica sob risco de ter a sua candidatura suspensa e outras sanções penais. É recado  também a candidatos que vão tentar a reeleição, que correm o risco da perda do mandato e ainda ficar oito anos inelegível.

Segurança alimentar

Conselho Estadual de Segurança Alimentar decidiu na quinta-feira da semana passada (4) priorizar o Plano de Segurança Alimentar e Nutricional nos municípios alagoanos.  Aprovou ainda distribuição de até 17 mil cestas sociais e previsão é de atender 17 mil gestantes.

“Conversa mole”

Eleitores em Maceió não mostram ainda vontade para falar de assuntos sobre as eleições de outubro. Uns até ficam irritados com quem tenta puxar assunto. Mas quem vai estar na campanha concorda e dá como razão “a hora não ser ainda fazer para campanha”.

Posição de Dilma

A presidente Dilma Rousseff, segundo divulgou o site do G1 no domingo, revela não haver mais interesse dela em continuar no cargo. E acha que o vice Michel Temer (PMDB) “não terá legitimidade ocupando o Planalto”.

Problema sério

É hábito o maceioense construir e ampliar imóveis sem dar atenção ao direito de ir e vir do cidadão pela calçada. E também estende a observação cobrando mais  atenção da Prefeitura no que chamam discriminação a desatenção dada aos bairros da periferia.

Faróis acesos

Obrigatoriedade de motorista é trafegar com os faróis do veiculo ligados nas rodovias. Mas diante da dúvida sobre manter a determinação na cidade, a maioria ainda insiste no alheamento em cumprir as lei. Mas a quem cabe esclarecer o que motiva o silêncio?

Lado inverso

Equipes do Instituto do Meio Ambiente em Alagoas (IMA-AL) vistoriaram recentemente 11 municípios no estado e identificaram inúmeros atos predadores à natureza. Expediram, inclusive, auto de infração em Viçosa, Capela, Palmeira dos índios, Cacimbinhas e São Sebastião e aplicaram multa de R$ 11.395,00.

Vida silvestre

Grupos do setor de Fauna e Flora e de Unidades de Conservação fiscalizaram também áreas de conservação ambiental no Refúgio da Vida Silvestre (RVS), no Morro do Craunã do Padre em Água Branca.É considerada área de conservação ambiental.

Transporte público

Nesta sexta-feira, a Câmara Municipal de Maceió tem na agenda da sessão uma audiência pública e pauta o sistema de transporte na cidade. Os vereadores promoveram no começo da semana um  debate e da pauta o fortalecimento do cooperativismo. 

Mais transporte público

O debate sobre transporte público faz lembrar compromisso antigo da Refesa não cumprido até hoje: o VLT circulando da estação central até Jaraguá.Tri-lhos estão há anos em Jaraguá, mas cadê o Veículo Leve sobre Trilhos cobrindo o itinerário?

Concurso

Samsung vai realizar concurso educacional para alunos de escolas públicas como proposta para incentivar aplicação de conceitos educacionais de Ciências da Natureza e da Matemática em projetos reais de melhoria das comunidades. É para alunos do ensino médio e a nível nacional.

Só podia ser dele

Frase publicada na revista Veja, edição do dia 30 último na Coluna Veja Essa: “A verdade é que quem entra na política é uma desgraça. É que nem uma boa cachaça: tomou a primeira, não quer mais parar”.

Outros tempos

É comum na vida pública, no Brasil, governador e prefeito não ter hábito de cumprir compromissos assumidos. Pode até fazer parte da política, mas o “barnabé” começa a aprender, enfim, o caminho para cobrar os seus direitos trabalhistas.

Famílias cadastradas

O IBGE, no censo divulgado recentemente em Alagoas, identificou mais de 380 mil crianças de 0 a 6 anos e dentre elas 61% de famílias no Cadastro Único de Programas Sociais (CadÚnico). E do grupo 59% vivem com renda de até um salário mínimo e 52% são famílias que recebem o Bolsa Família.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia