Acompanhe nas redes sociais:

17 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 882 / 2016

01/08/2016 - 09:17:08

S.O.S Alagoas

Cunha Pinto

Primeira novidade  

Paulo Memória declara candidatura  a prefeito  de Maceió.  Ele até  participa de  reuniões  e proposta  de gestão é promover uma administração com uma  presença do poder público  para  todos.  Está filiado  no  PTC.  

Confiante

Michel Temer, interino no Planalto, está  confiante em se efetivar e ser candidato em 2018 a reeleição. Pesquisas de opinião que a Veja divulgou, edição  da  semana, dá  43% de aprovação nesse período de interinidade na presidência.    

Uma correção  

A Coluna, edição anterior,  errou ao citar  o prefeito  Rui  Palmeira como em segundo mandato. Ele na legislatura   conclui o primeiro e é candidato  a  reeleição em outubro. Pesquisa mais  recente pontua  a sua administração com  43%  de  aceitação. 

Novo capítulo 

Reforma eleitoral (13.165/22015) propõe para vigorar este ano (Lei nº 9.504/1997) novas  datas  e regras para as convenções e registro de candidaturas. Mas merecedoras de atenção é proposta de os partidos agendarem reuniões  só depois das convenções. 

Prazos finais

Da atenção pelos partidos é prioridade cumprir os  prazos da legislação eleitoral. Uns já expiram em agosto, dentre eles os das convenções e registro dos candidatos, abertos dia 20 e datas para expirar já na contagem regressiva  

E  mais da atenção

 Do  TSE:  “Caso  não haja o  máximo de candidatos,  as vagas  que  sobrarem  devem  ser  preenchidas  em  até 30 dias  antes do pleito  e   não  mais que  60  dias.” É  uma advertência habitual e propósito é evitar as  correrias  de última hora aos cartórios. 

Eleições 2016    

Nesta-sexta feira (29) finda  prazo para o juiz eleitoral anunciar audiência pública para nomear equipes de mesários que  vão compor as mesas receptoras e prestar apoio logístico nos locais de votação (Código Eleitoral, arts. 35, inciso XIV, e 120).

Agenda    

No sábado o TSE já pode iniciar em emissoras de rádio e televisão divulgação em até cinco minutos diários,  em  rádio e televisão, propaganda institucional e como proposta  incentivar a  participação feminina na política, esclarecer os cidadãos sobre as regras e  funcionamento do sistema eleitoral brasileiro (Lei nº 9.504/1997, art. 93-A).

Atendimento

O secretário  de Assistência e Desenvolvimento Social, Antônio Picaud,  estima  que nos  postos de Santana do Ipanema,  Poço das  Trincheiras,  São  José da Tapera  e  Pão de Açúcar o Governo Presente  prestou atendimento a  cerca de dois  mil  idosos e  pessoas  com  deficiência.  

Nas escolas

Do jornalista Petrônio Portela para a Coluna:  “Educação precisa de se libertar; crianças  e  adolescentes  precisam também  se libertar.  E entenda  que  a sujeira por trás do partidarismo  na educação com  as escolas sem  partido.”  

Novos tempos? 

Inflação, mesmo em queda, não é recomendável  o cidadão abusar nas compras.  Advertência é de economistas, mesmo que o  Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Mesmo que na   segunda quinzena  deste mês tenha ocorrido  uma  baixa  pequena.  Queda foi  de 7,29%  para 7,27%.  

Limite para 2017 

O  governo Temer, mesmo ainda provisório,  faz  cálculo  situando com otimismo  a inflação de 2017  apresentar  queda.  Cálculos que  sinalizam o otimismo da  baixa  é  em torno de  4,5  pontos sobre a  deste ano.  No caso   de  6,5% para  6%.  

Banco Central  

O presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn,  contudo, joga na franqueza  e  esclarece que esse objetivo  divulgado  é ambicioso e pontua como risco de inversão das previsão  a inflação em 2015 ter sido “mais que o dobro da meta”, palavras dele divulgada em site.    

Na pauta do Senado 

O Senado tem  na pauta  de votação,  para  agosto,   três projetos de  reajustes salariais para apreciação.  São os de  ministros do STF,  servidores   público federal  e mais  os subsídios mensais  de  ministros. Proposta   é  de 16,38%   para vigorar  janeiro de 2017.

Cartão do idoso

Governo Renan Filho,  na agenda  assistência social de prestação de serviços no Sertão esteve no sábado (23) em 10 municípios. Foi mobilização coordenada pela Secretaria  do  Desenvolvimento e    da proposta  emitir o  Cartão do Idoso e orientação  sobre inscrição e a revisão cadastral  do programa  Bolsa Família.

Ações no Sertão 

Cartão do Idoso permite agora reencontros e  objetivo é aproximar famílias alagoanas.  É  proposta conduzida através de equipes do Alagoas Social e  meta é garantir o direito  ao transporte gratuito e inclusão no Benefício de Prestação de Serviços  Continuada.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia