Acompanhe nas redes sociais:

17 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 877 / 2016

27/06/2016 - 18:30:57

“Dez vezes mais ético e mais decente do que Cícero Almeida”

Marcelo Palmeira deve ser confirmado pré-candidato a vice-prefeito de Maceió

João Mousinho [email protected]
Prefeito Rui Palmeira tem gestão defendida por Biu de Lira e seu apoio para reeleição

O encontro do Partido Progressista (PP), esta semana, num hotel na orla de Maceió reuniu dezenas de prefeitos, pré-candidatos a prefeito e vereador, além de centenas de correligionários.Com o auditório lotado, vários temas foram debatidos, como: a legislação eleitoral, as regras da campanhas, aspectos contábeis.

O encontro teve a presença marcante do presidente nacional do PP, o senador Ciro Nogueira, que destacou: “Deixo Alagoas na certeza de que teremos uma importante vitória nas eleições municipais para ratificar as condições de Alagoas em 2018 enviar de volta essa liderança nacional que é o senador Benedito de Lira para o Senado Federal”. 

Durante o evento, o senador Benedito de Lira fez questão de ratificar o apoio do Partido Progressista à reeleição do prefeito Rui Palmeira (PSDB). Ao que tudo indica o pepista, Marcelo Palmeira, deve disputar o pleito desse ano como vice-prefeito, repetindo a dobradinha de 2012. 

Os assessores mais próximos a Benedito de Lira entendem que sua reeleição ao Senado passa por uma composição forte nos dois principais colégios eleitorais do estado: Maceió e Arapiraca. Assim como em Maceió, o senador alagoano se posicionou na política arapiraquense e disse que o PP vai marchar com o deputado estadual Tarcizo Freire (PP), pré-candidato a prefeito no município do Agreste. 

Ainda sobre o pleito em Maceió, Benedito de Lira disse para os membros da imprensa presentes que “Rui Palmeira é dez vezes mais ético, mais trabalhador e mais decente do que Cícero Almeida”. Uma alusão aos escândalos de corrupção que envolvem o nome do ex-prefeito de Maceió, como a “Máfia do Lixo”. 

Ainda em tom de ataque, Lira expôs que Cícero Almeida nunca esteve nas grotas quando foi prefeito de Maceió. O senador ainda ironizou o vídeo que circula nas redes sociais afirmando que o governador Renan Filho “virou tocador de triângulo”. 

Outros nomes no páreo  

Além de Rui Palmeira e Cícero Almeida, a cidade de Maceió conta com pelos menos mais quatro pré-candidaturas. Um deles é o presidente do Partido Trabalhista Cristão em Alagoas, Paulo Memória. O presidente do PTC integra um grupo de partidos nanicos intitulado G8. 

Outro que anseia disputar o Executivo de Maceió é o deputado federal Paulão (PT). Os bastidores da política dão conta de que um acerto com o PMDB não está descartado e o Partido dos Trabalhadores pode engrossar o palanque de Almeida. 

Recente reportagem do jornalista Odilon Rios no EXTRA revelou um novo nome: “Com o discurso da terceira via (nem a reeleição de Rui Palmeira nem o voto a Cícero Almeida), o PSOL tem como pré-candidato a prefeito o professor de História Gustavo Pessoa. Ele investe no campo das esquerdas em busca dos eleitores insatisfeitos”.

Quem também segue de olho na prefeitura da capital alagoana é o deputado federal João Henrique Caldas (PSB), que foi o deputado mais votado em Alagoas no pleito de 2014 e teve a votação mais expressiva em Maceió em comparativo com seus adversários. Alinhado com um discurso de moralidade e juventude no poder, JHC promete entrar de cabeça na disputa. 

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia