Acompanhe nas redes sociais:

12 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 863 / 2016

22/03/2016 - 15:22:03

Gabriel Mousinho

O delírio de Almeida

Gabriel Mousinho

Os últimos dias foram de glória para o deputado federal Cícero Almeida, que fez um oba-oba de sua filiação ao PMDB para concorrer à Prefeitura de Maceió. Foi tudo muito rápido, pelo menos porque ele mesmo disse dias atrás que fazia tempo que não falava com o senador Renan Calheiros.

O ex-prefeito jogou todas as fichas numa aproximação com o PMDB, o qual, sem nomes que pudessem concorrer com o prefeito Rui Palmeira, terminou capitulando, fazendo gestões para que Cícero Almeida disputasse a prefeitura da capital.

Não houve, como disse Almeida, festa no Palácio na conversa com Renan Filho. Apenas alguns assessores próximos presenciaram o encontro, que foi mais de sondagem do que mesmo de decisão política.

Com vários processos respondendo na Justiça, como é o caso da Máfia do Lixo, da Taturana e outros como a merenda escolar, Cícero Almeida, mesmo assim, diz que se for provocado, tem munição também para atirar. O deputado parece que está disposto e já antecipa uma campanha de agressões. Vamos ver mesmo se tem preparo físico para aguentar o tranco.

Sonhando alto

Entusiasmado, o deputado Cícero Almeida não tem freio na língua. Disse, entre outras bobagens durante suas entrevistas ao França Moura e na Rádio Gazeta, que VLT não resolve o problema de Maceió, numa clara alusão ao projeto do governo do Estado e que pelo menos treze partidos farão parte de sua composição política. Até agora nominou o PSD de quem fez parte até agora.

Sem identidade

Basta observar em quantos partidos Cicero Almeida se filiou, para mostrar que ele não tem nenhuma convicção partidária. Somente nos últimos anos Almeida pulou do PDT, juntou-se ao PEN, foi para o PP, migrou para o PSD, encantou-se com o PRTB que tenta cassar seu mandato, voltou para o PSD e agora está no PMDB.

Tentativa

 Como não ganhou nenhuma eleição para prefeito de Maceió, Renan tenta agora com o deputado Cícero Almeida, um prefeito que saiu encrencado na administração pública. Renan Calheiros perdeu para Guilherme Palmeira, pai de Rui e de lá pra cá não acertou uma.

Caça às bruxas

Um dirigente do PMDB disse em uma reunião na Secretaria Estadual de Infraestrutura que serão demitidos de cargos comissionados todos aqueles que não acompanharem os candidatos do partido.

Ressabiado

Preocupado com as últimas gravações em nível nacional que mexeram com a República e agora com a de Delcídio do Amaral, o governador Renan Filho tem recomendado ao seu gabinete que ninguém entra para audiência com aparelho celular. 

Chá de sumiço

Poucos políticos se arriscaram ou pelo menos assistiram as manifestações no último domingo. Um dos que apareceram por lá foi o deputado federal Pedro Vilela. Os outros estavam sumidos e a população que foi às ruas aproveitou para vaiar os três senadores, o deputado Paulão, Dilma e o PT.

Dois extremos

Muita gente anda indagando porque o inquérito contra o deputado Eduardo Cunha, presidente da Câmara dos Deputados, corre feito uma carro de Fórmula 1, enquanto os de outros políticos andam a passos de cágado.

Mala pronta

Muitos políticos já dormem de sapatos e com a mala pronta. A Operação Lava Jato pode trazer muitas surpresas nos próximos dias.

JHC 1

A provável candidatura de JHC a prefeito de Maceió pelo PSB requer uma série de providências por parte do deputado. Desaparecido do noticiário desde as últimas eleições, JHC vai ter que usar o mesmo expediente que lhe alçou como candidato a deputado federal, ou seja, aparecer com denúncias fortes como fez na Assembleia Legislativa. 

JHC 2

Com uma atuação discretíssima na Câmara Federal, JHC vai ter que dar a volta por cima e aparecer mais, o que não aconteceu no ano passado. Além disso, sabe que vai precisar de muito gás para enfrentar Rui Palmeira e possivelmente Cícero Almeida nas urnas.

Com que dinheiro?

As candidaturas estão postas, mas de onde sairá a grana para uma campanha para prefeito de Maceió?

E lá vem Fidelix

O presidente nacional do PRTB, Levy Fidelix tem corrido atrás do prejuízo, com a saída de Cícero Almeida do partido. Chegou até a escrever carta para o presidente do PMDB, Michel Temer, ameaçando um rompimento caso o PMDB de Alagoas aceite a filiação do parlamentar, que hoje está no PSD. Promete muita briga e tem convicção de que o mandato de Almeida será cassado.

Previsão

O desconforto do PMDB com a aliança de Ronaldo Lessa com o prefeito Rui Palmeira já era previsível, porque ele dormiu no ponto. Mais ágil, o PDT apostou na composição e sacramentou o apoio do partido para Rui nas próximas eleições. Como a situação não ocorreu como era esperado, o PMDB estimulou uma aproximação com Almeida, mas tem pela frente a reação do PRTB que ameaça criar um caso nacional.

Lá vem ela

Com as delações premiadas, os tentáculos da Lava Jato estão chegando rapidamente ao estado de Alagoas. Principalmente de pessoas e partidos que receberam verdadeiras fortunas na campanha de 2014 pelas empresas enroladas com a corrupção e que roubaram os cofres da Petrobras. Entre as empresas que assaltaram os cofres da maior estatal brasileira, estão a OAS, Odebrecht, Mendes Júnior, UTC, Camargo Correia, Andrade Gutierrez, Queiroz Galvão e outras.

Troco

O senador Biu de Lira deu o troco ao PMDB, ao filiar no PP o deputado estadual Tarcizo Freire, candidato pela oposição em Arapiraca. Freire, uma liderança política consolidada na terra do fumo, deve enfrentar a atual prefeita Célia Rocha, bastante desgastada na atual administração, Ricardo Nezinho ou Yale Fernandes.

Novo arrastão

As gravações feitas com o ministro Aloísio Mercadante pelo assessor de Delcídio do Amaral, José Eduardo Marzagão, indicam que a coisa tá preta lá por Brasília. As acusações são graves e atingem diretamente o ministro da Educação. Na delação de Delcídio, homologada pelo ministro Teori Zavascki, são citados os nomes de Aécio Neves, Eduardo Cunha, Michel Temer e também de Renan Calheiros, que disse em nota que Delcídio está delirando.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia