Acompanhe nas redes sociais:

19 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 860 / 2016

27/02/2016 - 10:13:01

Inácio Loiola quer mais incentivos para energia solar

Deputado também apresenta projeto para dar mais segurança ao cidadão nos estacionamentos

Valdí Junior
Inácio Loiola defende mais investimento em energia solar

A normatização dos estacionamentos de veículos e o incentivo ao uso da energia solar são dois temas que estão na ordem do dia do cidadão e que podem impulsionar o desenvolvimento socioeconômico autossustentável regional, respectivamente. Ciente das demandas da população e da necessidade cada vez maior da busca pela energia alternativa, o deputado estadual Inácio Loiola (PSB) encaminhou à Assembleia Legislativa do Estado de Alagoas dois projetos de lei que visam a dar maior segurança ao cidadão que guarda o carro no estacionamento e estimula a iniciativa privada e o Estado investirem na energia solar.

Os projetos foram lidos nesta sessão da quarta-feira, 22, no plenário da Assembleia Legislativa do Estado de Alagoas.

O deputado estadual Inácio Loiola diz ser preciso regularizar e dar maior segurança ao cidadão que paga [e que não é barato] para deixar o veículo no estacionamento sabendo que será ressarcido em caso de ocorrências que venham a causar prejuízos ao proprietário. Alguns estacionamentos ainda insistem em querer restringir os danos apenas ao veículo e não a qualquer furto de documentos ou pastas deixados no interior do automóvel.

O projeto de lei visa proibir o uso de placas informativas, impressão em bilhetes ou cupons em estacionamentos e similares com os seguintes dizeres: não nos responsabilizamos por danos materiais e/ou objetivos deixados no interior do veículo.

O outro projeto de lei objetiva dar maior impulso à economia alagoana com a disseminação da energia solar. Alagoas reúne características para tornar-se polo gerador de energia alternativa autossustentável a partir do aproveitamento da luz do sol, afirma o deputado estadual.

Inácio acredita que a energia solar e a energia eólica podem suprir a demanda de energia elétrica na Região Nordeste. “Em tempo de escassez de água e com baixo volume nos reservatórios da hidrelétrica, a energia alternativa surge com força para atender a demanda energética do País”.

Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí e Pernambuco largaram na frente nesse processo. O Estado de Alagoas também pode, inclusive, ajudando o micro e pequeno empresário a encontrar saídas para reduzir o alto valor da conta de energia convencional. “Avalio que a Assembleia Legislativa e o governador Renan Filho vão aprovar rápido esse projeto de lei tão indispensável para nossa sociedade”.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia