Acompanhe nas redes sociais:

22 de Setembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 858 / 2016

11/02/2016 - 11:26:31

De clássicos da literatura a utensílios domésticos

Evento se destina a auxiliar jornalistas que lutam contra doenças degenerativas

José Fernando Martins Especial para o EXTRA
Livros, artigos femininos e calçados estarão à venda no bazar

Um livro lido e relido que já não é aberto por muito tempo encostado na estante. Um porta-retratos sem foto guardado dentro da gaveta. Roupas que não servem mais, porém em bom estado dobradas dentro do guarda-roupa. 

São itens, utensílios e objetos que vão sair do “fundo do baú” e ver a luz do Sol para uma causa: ajudar o próximo. Acontece no sábado, 13 de fevereiro, no Ginásio do Sesc no bairro do Poço, das 8h às 12h, o Bazar da Solidariedade, evento promovido por jornalistas com a finalidade de angariar fundos para auxiliar o tratamento de dois colegas da profissão que sofrem de doenças degenerativas. 

A jornalista Olívia de Cássia Cerqueira, 56, sofre da Doença de Machado-Joseph, conhecida como ataxia espinocerebelar do tipo 3 (ou SCA 3), uma doença crônica hereditária dominante. Olívia acompanhou de perto o sofrimento do pai e do irmão, também portadores da Machado-Joseph. Alertada pelo médico da possibilidade de sofrer pelo mesmo problema, o prognóstico foi confirmado anos depois. Atualmente, trabalha no jornal Tribuna Independente, mas precisa de acompanhamento médico que inclui exames que custam em torno de R$ 1500 a R$ 2500. Um desses exames é necessário para que ela consiga benefícios do INSS ou a aposentadoria. 

Já Carlos Miranda, 50, foi uma das vozes da informação da CBN Maceió. Após fraqueza nos membros inferiores e superiores, o jornalista combatente foi diagnosticado com Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA), provocada pela degeneração progressiva no primeiro neurônio motor superior no cérebro e no segundo neurônio motor inferior na medula espinha, que, ao perderem a capacidade de transmitir os impulsos nervosos, dão origem à doença. Um ano e meio após da notícia de que era portador de ELA, Miranda encontra-se tetraplégico, fala pouco e precisa de cuidado em tempo integral. Um dos medicamentos para que o paciente tenha qualidade de vida se chama Riluzol, que aumenta o período de sobrevida do portador. O valor é superior a R$ 1000.

Sensibilizados pelas histórias de vida de cada profissional, jornalistas de Alagoas resolveram se unir para realizar o bazar. Para isso, criaram um grupo no Facebook, o Amigos da Olívia, e o Solidários, no WhatsApp, para trocar ideias de como seria realizado o evento solidário. Foi questão de tempo para que o local já fosse escolhido e os pontos de coleta selecionados. 

Porém, de acordo com um dos organizadores, o jornalista Odilon Rios, a ajuda veio de diversos setores, não só do meio da comunicação. “A campanha mobilizou muita gente, de funcionários da Eletrobras, por exemplo, a empresários. Muitos aprovaram a causa e quiseram ajudar, o que foi ótimo porque cada doação é mais do que bem-vinda”, contou à reportagem do EXTRA Alagoas. As doações estão sendo reunidas e catalogadas no Sindicato dos Jornalistas de Alagoas (Sindjornal). 

O que não irá faltar são variedades. Entre as doações, estão livros de autores renomados, como Arnaldo Jabor, Jorge Amado, Stephen King e Stephenie Meyer. Títulos que vão agradar aqueles que gostam de literatura brasileira e internacional. Também será vendida uma coleção de enciclopédia “Barsa”, livros bem conhecidos para quem tem por volta de 30 anos de idade. 

Quem curte minisséries poderá se deparar com uma edição especial e original de “Riacho Doce”, protagonizada por Vera Fischer e Carlos Alberto Richelli. Já aficionados por cinema vão ter a oferta de clássicos do mundo fantástico e da Sétima Arte. Além de DVDs, serão vendidos CDs, de Ana Carolina a Padre Fábio de Mello, e jogos de Playstation III.

O Bazar da Solidariedade também contará com a venda de roupas, como ternos e vestidos, além de sapatinhos para recém-nascidos feitos em crochê de diversas cores e utensílios para o lar. “Vamos oferecer livros de capa dura por preços a partir de R$ 3, de autores como Jorge Amado, Graciliano Ramos, Jô Soares, Érico Veríssimo e Paulo Coelho. Estamos colocamos os produtos a valores acessíveis para estimular a solidariedade e a participação dos compradores. Quem não puder ir ao bazar, pode contribuir diretamente nas contas bancárias dos beneficiados”, informou o jornalista.

 Durante o evento estará disponível aos visitantes a realização de teste de glicemia e aferição da pressão arterial. O local ainda terá barraca de lanches cuja renda também será revertida à causa. 

DADOS DOS JORNALISTAS

Olívia de Cássia Correia de Cerqueira

CPF: 228.793.584-34

Caixa Econômica Federal

Agência: 1557

Conta: 82294-2

Operação: 013

ONDE DOAR

Sindicato dos Jornalistas: Rua Sargento Jayme Pantaleão, 370 – Prado

Fecomércio Alagoas: Rua Prof. Guedes de Miranda, 188 – Farol

Sesc: Rua Pedro Paulino, 40 – Poço

Senac: Rua Pedro Paulino, 77 – Poço

Eletrobras Alagoas: Avenida Fernandes Lima, 3349 – Gruta

AMA: Avenida Dom Antônio Brandão, 218

Santa Lolla Maceió: 2º Piso do Maceió Shopping

Sodiê Doces: Rua Mário de Gusmão, 930 – Ponta Verde

Ministério Público Estadual: Avenida Deputado Humberto Mendes, 79 – Poço

Fapeal: Rua Melo Morais, 354 - Centro

Jornal Extra Alagoas: Centro Empresarial Wall Street – Avenida Humberto Mendes, 796, sala 26 - Poço


Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia