Acompanhe nas redes sociais:

17 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 857 / 2016

31/01/2016 - 08:05:37

ABC do Interior

Roberto Baia

Combate à corrupção

O procurador-geral de Justiça, Sérgio Jucá, está atento às ações de políticos, principalmente prefeitos de várias regiões do Estado como Agreste, Baixo São Francisco e Sertão, que estão envolvidos em atos de corrupção que para ele se tornou uma “doença contagiosa” mais em Alagoas do que em outros Estados.

Serão punidos

Na sua mesa, ele se debruça diariamente com denúncias de toda ordem contra gestores que praticam improbidade e outros crimes. “Este mal atingiu setores inimagináveis da nossa sociedade. E os prefeitos envolvidos com corrupção serão punidos”, disse o procurador, para adiantar que o MP, também, está atento e vai acompanhar o período eleitoral, principalmente a aplicação dos recursos dos precatórios da Educação, liberados para cidades alagoanas. 

Polêmica em 

Arapiraca

Com informações da Ascom da Frigovale:  “Em entrevista, na manhã desta quarta-feira (27), ao radialista Alves Correia, o diretor executivo da Frigovale, Jaelson Gomes, informou que a empresa apresentou, na última semana, uma nova proposta de valores para abate e resfriamento de carnes aos proprietários e comerciantes do produto, os conhecidos marchantes. O documento foi entregue ao defensor público Gustavo Barbosa Giudicelli, que está mediando o diálogo, entre as partes”.

Preço semelhante

”Na proposta, a Frigovale vai realizar o abate com tarifa de R$ 45, além dos impostos (fixados em R$ 6,41). Já as vísceras vermelhas serão limpas, resfriadas e embaladas por R$ 30, e as brancas, por R$ 50. Assim, abate e vísceras chegarão aos comerciantes por R$ 125”. Segundo Jaelson Gomes, o preço está semelhante ao praticado pelos demais frigoríficos de Alagoas, embora o serviço da Frigovale seja de alto padrão. “Estamos fazendo um esforço enorme, mas apostamos que esse mercado cresça e possamos recuperar esse prejuízo”, afirmou.

Tudo mentira

Marlos dos Santos, representante dos marchantes de Arapiraca, rebateu as declarações do diretor da Frigovale, Jaelson Gomes, que, segundo ele, divulgou uma série de mentiras em sua entrevista na rádio Gazeta FM. “Ele faltou com a verdade em tudo. Continuamos afirmando que os preços cobrados pela Frigovale são abusivos. Por  exemplo: a Mafrial cobra R$ 15,00 por abate e R$ 80,00 pelas vísceras, o que dá um total de R$ 95,00”, disse. 

Ação na 

Justiça

 “O edital que rege a licitação estabelece R$ 68,00, incluindo a limpeza das vísceras. Portanto, o que foi dito na rádio não corresponde com a verdade”, observou. “Por conta disso, a Defensoria Pública ingressou com ação civil para valer nossos direitos”, revelou o marchante Marlos dos Santos.  

Isenção de 

impostos

“Infelizmente, o senhor diretor da Frigovale falou muitas inverdades na sua entrevista no programa do radialista Alves Correia. E, com certeza, uma delas foi que a empresa não recebe incentivos fiscais. Pura balela, já que o contrato é bem claro quando assegura que eles terão direito a três anos de isenção de impostos. Após esse período, eles terão que pagar 2,1% do que arrecadarem. Isso sem falar que terão outro mimo bastante atrativo e confortável para uma empresa: simplesmente foram contemplados com 25 anos  para o uso da estrutura pública municipal. Quer mais?”, indagou o líder dos marchantes arapiraquenses. 

Velho Chico

As informações estão no Blog do Bernardino: “As chuvas frequentes nas regiões de Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Alagoas e Sergipe, que estão elevando o nível do Rio São Francisco – decorrente dos rios afluentes das margens esquerda e direita do ‘Velho Chico’ – poderão acarretar na decisão da CHESF em abrir as comportas da Hidrelétrica de Xingó, localizada no município de Piranhas (AL)”.

Controle da vazão

Na última segunda-feira, 18, em Brasília – através de uma teleconferência para os diversos estados inseridos na bacia Hidrográfica do rio São Francisco – os representantes da Agência Nacional de Águas (ANA) discutiram o controle da vazão de Sobradinho e as consequências da situação hidrometeorológica.

Impacto negativo

O presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF), Anivaldo Miranda, que participou da teleconferência a partir da sede do colegiado, em Maceió (AL), ponderou sobre uma possível redução de Sobradinho – proposta pela ANA, que gera impacto negativo para a sobrevivência do rio, e a CHESF apresentou análise do volume morto de Sobradinho enfocando a posse da descarga de fundo da referida barragem.

PELO INTERIOR

... Arapiraca - A Rua Jailson Nunes, que fica por trás do Arapiraca Garden Shopping, será sentido único a partir da Rua Aristides Félix da Silva à Rua Manoel Francisco Cazuza (Sesc). A mudança, estabelecida pela Prefeitura, por meio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), passou a funcionar a partir de quinta-feira (28).

... De acordo com a prefeita Célia Rocha (PTB) as melhorias do trânsito naquela região entre os bairros Jardim de Maria e Santa Edwiges seriam mesmo gradativas, conforme as necessidades do fluxo contínuo de veículos.

... “Desde que sonhamos com a chegada do shopping center a Arapiraca previmos mudanças no trânsito para melhorar o tráfego de veículos e a locomoção de condutores e pedestres naquela área, por isso que eu solicitei as alterações possíveis”, avaliou Célia Rocha.

... Segundo o superintendente da SMTT, Ricardo Teófilo, as equipes dos Departamentos de Engenharia de Trânsito e Fiscalização estão trabalhando para implantar novas placas de sinalização e fazer a alteração do semáforo que fica no cruzamento das ruas Jailson Nunes e Samaritana. Como também do semáforo entre as ruas Jailson Nunes e Vicente Nunes.

... “Como a Rua Jailson Nunes será sentido único em direção à Rua Samaritana, o semáforo desta rua também sofrerá mudança de local e será invertido em direção à Rua Manoel Francisco Cazuza, onde fica o Sesc”, explicou Ricardo Teófilo.

... Os alunos da primeira turma do curso de Medicina do campus da Universidade Fede-ral de Alagoas (Ufal), em Arapiraca, estão organizando, com o apoio da Prefeitura de Arapiraca, um trote solidário para arrecadar donativos destinados à Casa dos Velhinhos.

... O abrigo funciona no bairro Baixa Grande, em Arapiraca, e foi fundado há cerca de 48 anos pelo médico José Fernandes de Lima, que faleceu no ano de 2006.

... Atualmente, a instituição cuida de 50 idosos e idosas com ajuda de empresários e comerciantes locais.

... Uma ótimo final de semana para os nossos leitores. Até a próxima edição. Fui!!!!

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia