Acompanhe nas redes sociais:

21 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 855 / 2016

18/01/2016 - 16:34:02

Cabarés, zonas e puteiros para as crianças brasileiras

José Arnaldo Martins Lisboa

Eu admito o modernismo dos costumes, dos comportamentos, dos relacionamentos entre namorados, entre noivos e entre os casais, mas, ainda não me acostumei e não vou nunca me acostumar com os costumes, comportamentos e relacionamentos entre pais e filhos, dos tempos atuais. Está havendo muita falta de respeito dos filhos para com os pais e mães, sejam eles crianças ou adultos. Sei que os costumes estão diferentes dos de anos passados, principalmente porque eu ainda sou de uma época na qual nós pais, éramos tidos como “cafonas”, porque não aceitávamos certos modismos ou certos comportamentos deles. Progredimos muito com a televisão, com as novelas, com os filmes e com as redes sociais, mas não notei nenhuma melhoria da moral e da vergonha, da nossa tão falada mídia. Para mim, elas foram para o be-le-léu, diante, leiam com muita atenção, do que está acontecendo no Brasil, em termo de educação sexual.  

Para as nossas crianças, com idades entre 6,7 e 8 anos, o governo do Sr. Lula e da Sra. Dilma bolou uma cartilha que deixou as nossas prostitutas horrorizadas, já que elas, agora, terão que concorrer com as crianças, para que não sejam prejudicadas nos seu “ganha-pão”. Nas cartilhas que foram idealizadas, programadas, impressas e distribuídas pelo imoral Ministério da Educação do Sr. Lula e da Sra. Dilma, resolveram acabar de uma só vez com as inocências das nossas crianças que, vão poder ter as suas liberdades para transar, nas suas escolas, com os amiguinhos e amiguinhas, inclusive com as atenções e orientações das nossas professoras sexólogas. Há poucos anos, o Sr. Lula e a Sra. Dilma, deram permissão para que os nossos imorais técnicos em educação proibissem os pais e as mães deste Brasil de darem palmadas nos seus filhos, pois castigos agora são crimes a serem cometidos pelos pais. Portanto, achando pouco, o ministro da Educação da presidente Dilma bolou uma cartilha que está sendo divulgada, na qual as crianças devem  saber o que é uma transa, como devem transar, qual a melhor posição para a transa e como vão sentir durante elas. A cartilha está ensinando às professoras como colocar o pênis dentro da vagina, tudo com direito a aulas práticas, inclusive com as professoras e professores.  

Pelo que estou notando, o governo do Sr. Lula e da Sra. Dilma está tentando acabar com as famílias brasileiras, quando transformando as nossas crianças em taradinhos, viadinhos, putinhas e prostitutas infantis. Agora, o governo da presidente Dilma terá que criar uma “bolsa transa” para as crianças com idades entre 6, 7 e 8 anos. Ora, se faltava uma “zona”, um cabaré ou um puteiro para as nossas crianças brasileiras, tudo agora chegou.

Em Tempo – O Dr. Ronaldo Farias e o Dr. Dilmar Camerino, ilustres procuradores do Estado de Alagoas, são leitores assíduos dos meus escritos. Isso me incentiva muito.  

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia