Acompanhe nas redes sociais:

24 de Setembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 834 / 2015

19/08/2015 - 16:10:00

Sururu

Renan dá o norte

Da Redação

“O presidente do Senado Renan Calheiros apresentou a primeira agenda clara de discussões. Fica claro que a trégua política oferecida pela mídia estava amarrada à aceitação dessa agenda.  Finalmente, tem-se um norte para começar a se discutir. Poderá ser a saída ou o fim de Dilma Rousseff. Se ela decifrar o pacote, souber incorporar as propostas de racionalização, mas preservar pontos centrais de cidadania, vence. Caso contrário, poderá ser interpretado como adesão integral a uma bandeira política e econômica que não é sua”. (Luis Nassif)


Agenda anticrise

Nas últimas horas, Renan Calheiros divulgou uma nova versão da agenda anticrise que havia apresentado na segunda-feira. Além de acrescentar medidas, o senador voltou atrás na proposta de cobrar pelo atendimento no SUS, mas não deixou de sugerir temas polêmicos, como a redução do número de ministérios e até o fim do Mercosul.Aliados de Renan afirmaram que o senador desistiu da proposta do SUS após a medida receber diversas críticas. Na nova versão, Renan fala em “regulamentar o ressarcimento, pelos associados de planos de saúde, dos procedimentos e atendimentos realizados pelo SUS”. 


Só falta Cunha 

Após se reunir com Lula, Renan e caciques do PMDB, o vice-presidente e articulador político do governo, Michel Temer, afirmou que vai conversar com  Eduardo Cunha, presidente da Câmara, em busca de apoio para o pacote de medidas anticrise proposto por Renan Calheiros. 


Causa própria 

O deputado de Limoeiro de Anadia insiste em sua cruzada contra a 17ª Vara Criminal da Capital, mesmo já sendo matéria vencida.  Até parece que AA quer legislar em causa própria. 


Parasitas

Os servidores fantasmas do Tribunal de Contas que buscaram refúgio na Assembleia Legislativa e em outros órgãos não escaparão de processo administrativo que pode culminar com demissão por abandono de emprego.  As ações já foram encaminhados à Corregedoria do TC e em breve teremos novidades...

Ditadura no TC

O conselheiro do Tribunal de Contas Anselmo Brito é chamado nos corredores do tribunal de “o ditador”. Ele só trata os servidores da casa aos gritos quando deseja qualquer informação de algum setor do TC. No início da semana, dois diretores da Escola de Contas pediram exoneração dos cargos por não suportarem a arrogância do conselheiro Acácio. 

Desrespeito

 Esta semana um veículo de grande porte, um Ford Cargo 815, que realizava operações de troca de lâmpadas próximo à Feirinha do Artesanato, na Ponta Verde, causou acidente de trânsito. Visivelmente alterado, o motorista ainda saiu do automóvel agredindo verbalmente a vítima. A empresa Vasconcelos e Santos, que presta serviços para a Prefeitura de Maceió, deveria selecionar e treinar melhor seus funcionários. Fica a dica!


Desrespeito 2

Como se não bastasse os prejuízos materiais e psicológicos causados pelo funcionário da Vasconcelos e Santos, a SMTT foi acionada para solucionar a problemática, já que os envolvidos no acidente não chegaram a um denominador comum, mas só três horas depois o carro do órgão fiscalizador de trânsito chegou ao local. Um completo desrespeito ao cidadão pagador de caros impostos. 

Desrespeito 3


Segundo a vítima, os agentes da SMTT afirmaram que a demora seria devido à falta de veículos que têm a responsabilidade para averiguar esse tipo de ocorrência.  Enquanto isso a indústria da multa e as arbitrariedades cometidas pela superintendência e seu comando acontecem dia após dia. 


Ciço voltou 


O ex-prefeito de São Luís do Quitunde, Cícero Cavalcante, voltou ao cenário político. Mesmo acusado de uma série de crimes de improbidade, o peemedebista assumiu esta semana a vaga de deputado estadual no lugar de Dudu Hollanda, que segue em tratamento de saúde. 


Em alta 


Os senadores Renan Calheiros, Benedito de Lira e Fernando Collor continuam na base de sustentação do governo Dilma. Com a crise política, a presidente se apega aos mandachuvas para driblar a crise e evitar o pior, que segundo a oposição está mais próximo do que nunca. 


Aécio 1


E o presidente nacional do PSDB, Aécio Neves, comanda pessoalmente nesta sexta-feira a abertura da campanha nacional de filiação do partido que acontece em Maceió, a partir das 10h, na sede da Associação Comercial. O evento terá transmissão ao vivo por meio de videoconferência e será realizado simultaneamente com as capitais de São Paulo, Goiás, Paraná e Pará.


Aécio 2


Aproveitando o evento, Aécio Neves dará posse ao novo diretório do PSDB de Alagoas, que tem na presidência o ex-go-vernador Teotonio Vilela Filho. O candidato derrotado nas eleições presidenciais do ano passado dará entrevista coletiva tão logo chegue à Associação. Nem precisa dizer o tema central de sua fala!

CNJ em ação 1


Esta semana, o Conselho Nacional de Justiça instaurou procedimentos contra figurões da justiça alagoana. A medida foi tomada devidos os recentes desmandos e o atual envolvimento do Tribunal de Justiça de Alagoas com a política partidária. 


CNJ em ação 2


A Corte de Justiça alagoana tornou-se um verdadeiro balcão de negócios, onde salvo-condutos foram banalizados e sentenças contra crimes de improbidade adormecem nas gavetas de alguns desembargadores. 


Tá valendo 


Os professores das redes pública e privada de Maceió têm direito a meia-entrada, assim como os alunos destes estabelecimentos. O projeto foi idealizado pelo professor Eduardo Vasconcelos, presidente do Sindicato dos Professores de Alagoas, e levado até a Câmara de Maceió, que acatou e aprovou a iniciativa. Mais cultura, mais conhecimento. Belo exemplo. 


Erosão em Jequiá 1


A Prefeitura de Jequiá da Praia teve de deslocar para outro local uma escola da rede muicipal do Povoado Lagoa Azeda por conta da erosão na área. Várias casas também tiveram de ser desocupadas.


Erosão em Jequiá 2


O município já elaborou e apresentou à comunidade um projeto de contenção da erosão marinha no povoado, onde foi decretada situação de emergência. Para executar o projeto, espera por recursos do governo federal e as licenças ambientais e anuência do ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia