Acompanhe nas redes sociais:

20 de Setembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 832 / 2015

05/08/2015 - 17:50:00

A anosmia de João Caldas

Temóteo Correia - Ex-deputado estadual

O ex-deputado federal João Caldas, em tempos idos, fora prefeito de sua cidade natal, Ibateguara-AL. Certo dia, recebeu em audiência o vereador José Araújo da Silva, que lhe fez uma petição, em tom de desagrado:

- João Caldas, o povo está me impressionando muito e estou andando muito neuvoso.

- O que é que está acontecendo, Zé Araújo?! - Aquela bueira que fica perto da casa do sinhô está soltando um grande mau hálito. Não sei como o senhor respira aquele peufume! Os pobrezinhos passam até de venta tapada, capaz de um vômito. 

Caldas se irritou.- Olhe, Zé Araújo, não venha aqui com essa conversa pisadinha pra mim, não, viu! O mau hálito está, agora, nesta sala.- Taí, João Caldas, não tô sentindo nenhum peufume aqui.

- Vá, vá embora com o seu peufume, seu mau hálito e as suas bueiras.- Me adesculpe, mas a sua família tem um estambo de vestruz! Os pobrezinhos que passa ali não guenta, não! Tenha caridade, João!

- Vá, Zé, vá! Falou Caldas, já agastado.- Eu vou. Agora, no tempo da eleição, venha pedir voto com o mau hálito da sua bueirinha, viu!

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia