Acompanhe nas redes sociais:

21 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 816 / 2015

15/04/2015 - 06:54:00

A Lei de Jefferson

Irineu Torres Diretor do Sindifisco Conselheiro Emérito da Fenafisco

As pessoas honestas são livres para ter amigos. Os criminosos, ao contrário, nunca devem ter cúmplices. O crime deve ser lacrado. O criminoso deve beber reservadamente, dormir com porta e boca fechadas, arma em punho. O crime deve ser planejado e executado em total solidão.

O crime, quiçá, compensa enquanto habitar as sombras. No submundo do crime o segredo de dois mata um. A soberba é a chave da cadeia. Está é a Lei de Jefferson. Cláusulas pétreas de todos os crápulas livres. Princípios criminocentes, porém, esquecidos pelo PT. O Partido age tal qual cachorro que come pinto. Não tem jeito. Tapa na cara já não resolve. Olho de machado na cabeça é o remédio único para esse comportamento absurdo.

Vale lembrar. Parece que foi ontem. O Mensalão. Roberto Jefferson, traído por Dirceu, contou tudo. Hoje. O Petrolão. A delação premiada mela o sonho lulopetista de ser um partido estado. Mas, o PT não aprende. Vejam só.

Agora mesmo. O sumo pontífice do PT, em escrota homilia, no altar da corrupção, por desespero, falta de caráter e dissimulada cabuetagem, a fim de redimir a companheirada mais chegada, profere pérolas de genuína canalhice: - “o Petrolão é coisa de uma ou duas pessoas”.

Faz mea culpa: - “nunca na história deste País tão poucos roubaram tanto”, pousa de santo puto: - “Não aceito ser chamado de ladrão”. A companheirada aplaude, diz amém. Não tem humildade para admitir a própria incompetência delitiva.

Não reconhece o erro clássico, grosseiro de envolver centenas de pessoas, físicas e jurídicas, em uma empreitada criminosa. Envolver, no Petrolão, uma galera de cumplices capaz de encher um clube de empreiteiros, o Congresso Nacional e o Maracanã! O PT inteiro precisa ser reciclado já. Na academia Papuda.

De castigo. Desasnar. Aprimorar os fundamentos do banditismo. Salvar os safados. Resgatar “os mais baixos instintos”. Nunca, jamais, em tempo algum, o PT devia ter se afastado do oráculo da corrupção, o competente PMDB. Mas, o PT é arrogante como se fosse inocente. Imperdoável vacilo.

Está por merecer a pena capital da implacável Lei de Jefferson, também conhecida como Lei de Nicéia, Lei de Barusco, Lei de Junios Brutus. Lei X 9. In Verbis: - “A cumplicidade é inimiga mortal da lealdade. Amizade é privativa das pessoas honestas.”

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia