Acompanhe nas redes sociais:

14 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 815 / 2015

08/04/2015 - 11:12:00

Abc do interior

Aposta bizarra

Nos meios de comunicação de Alagoas cresce uma espécie de “bolsa de aposta” um tanto bizarra. É sobre a permanência do secretário estadual de Comunicação, jornalista Ênio Lins, na pasta. Os mais otimistas lhe dão um ano no cargo e a maioria acredita que não chega a seis meses.Profissional sério e competente, Ênio não se sente confortável com a ingerência palaciana sobre as suas ações, limitando em 50% a verba que seria destinada aos meios de comunicação, afetando, principalmente, veículos de pequeno e médio porte.


Inevitável

Assim, o desgaste será inevitável e abalaria a sua credibilidade. Além do seu carisma, o jornalista Ênio Lins é respeitado e querido não só por jorna-listas e radialistas como também por empresários da área.Vale lembrar que ele foi o primeiro nome anunciado pelo próprio governador Renan Filho para compor o seu secretariado.


Está decidido

O desembargador Domingos de Araújo Lima Neto, do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL), manteve a liminar que obriga o município de Traipu a repassar mensalmente a quantia de R$ 2.000,00 ao conselho tutelar da cidade. A decisão foi publicada no Diário da Justiça Eletrônico (DJE) de segunda-feira (30).

Condições precárias

De acordo com os autos, o Ministério Público (MP/AL) ingressou com ação civil pública alegando que o conselho tutelar de Traipu atua em condições precárias e que o município não está adotando as providências para estruturar o órgão e possibilitar o seu pleno funcionamento.


Concedeu liminar

O Juízo da Comarca concedeu liminar determinando o repasse e que fosse colocado à disposição o cronograma de investimentos a serem aplicados em benefício do órgão dentro do prazo máximo de seis meses. Objetivando suspender a medida, o município ingressou com agravo de instrumento no TJ/AL .


“Prejuízo irreparável”

A Prefeitura defendeu que já realiza repasses financeiros ao conselho tutelar e que a decisão do juiz representa afronta ao princípio da separação dos poderes. Sustentou ainda que o repasse mensal de R$ 2.000,00 gera risco de “prejuízo irreparável” à municipalidade, pois compromete o orçamento público.


Arapiraca

Na manhã de quarta-feira, 1, o secretário de Finanças de Arapiraca, Lucas Leão, anunciou o pagamento dos salários do mês de março para todos os servidores da educação.De acordo com Leão, a autorização da prefeita Célia Rocha (PTB) foi de efetuar a transferência dos recursos para pagamento da folha de todos os profissionais da educação na quarta-feira e também o de todos os aposentados e pensionistas, que será debitado até esta sexta-feira (3). Vai pagar“Estamos equalizando as contas e conseguindo manter um cronograma de pagamento aos servidores. No próximo dia 10, efetuaremos o pagamento de outro grupo de servidores e logo depois, anunciaremos a data para os restantes”, explicou.


 Contribuição Sindical

A Secretaria Municipal de Gestão, Patrimônio e Documentos informa que os salários terão desconto de contribuição sindical, de acordo com o artigo 8º da Constituição Federal, onde afirma que é preciso ter o imposto sindical seja associado ou não, pois visa à manutenção da estrutura do sindicato. 

Mensalidade sindical

A contribuição sindical é uma espécie de contribuição compulsória devida aos sindicatos, federações e confederações para sustentação econômica dessas organizações. Esse imposto é cobrado anualmente e não é a mensalidade sindical, onde se deve contribuir periodicamente. 

Biblioteca Rural

O jornalista, professor e escritor Jair Pimente, vem mantendo há 4 anos, na zona rural de Viçosa, o Gabinete de Leitura e Pesquisa, com biblioteca, clube do livro, hemeroteca e escola, num trabalho voluntário, com um único objetivo: transformar crianças e adolescentes, em verdadeiros cidadãos intelectualizados. Passa quatro dias por semana, cercado de livros e antiguidades, disponíveis à comunidade e ainda tem o aconchego da família: mãe, irmã, tios, primos. É sua missão como aposentado, e um sonho realizado. A biblioteca conta com um acervo de mais de 3 mil livros dos mais variados temas.

PELO INTERIOR

... Promotor recebe apoio - Ainda repercute o ato público em defesa do promotor de Justiça Anderson Cláudio, da cidade de Viçosa. Ministério Público Estadual de Alagoas, Poder Judiciário, Ministério Público de Contas, associações de classe e entidades ligadas aos trabalhadores estiveram reunidas no fórum local durante toda a manhã do dia 27 último. 


... De acordo com release da assessoria de Comunicação do MP, uma semana antes ele foi agredido verbalmente pelo prefeito da cidade, Flaubert Torres Filho, depois de ter sido alvo de duas ações propostas pelo MPE/AL. 


... A abertura da manifestação foi feita pela chefia do Ministério Público. “O promotor Anderson Cláudio não está sozinho, nem isolado. Ao lado deles estão mais de 150 promotores e procuradores de Justiça que também se sentiram ofendidos. 


... E por que o colega Anderson foi atacado? A resposta é simples, foi porque ele ousou enfrentar os poderosos, agiu para proteger os interesses dos habitantes de Viçosa e defendeu o estrito cumprimento do dever legal”, afirmou Sérgio Jucá, procurador-geral de Justiça. 
... O subprocurador-geral Institucional, Walter José Valente de Lima, declarou o orgulho da instituição em ter Anderson Cláudio como membro da instituição:


... “Não somente o Ministério Público Estadual de Alagoas se orgulha de você, e sim, todo o MP brasileiro. Depois das agressões que lhe foram direcionadas recentemente, após o MP apenas cumprir com suas atribuições legais, quero dizer que não estamos no auge da sujeira não, nós estamos dando é início à limpeza nesta cidade”, disse. 


... O procurador de Justiça Márcio Tenório de Albuquerque também saiu em defesa do promotor de Viçosa. “Anderson é um homem público honrado, um cidadão de bem e um promotor de Justiça sem máculas. Ele sacrifica sua vida familiar em favor do Ministério Público e só o faz porque é vocacionado para a atividade que exerce”, comentou ele. 


... A motivação da ação - O coordenador do Núcleo de Defesa do Patrimônio Público, José Carlos Castro, lembrou que as ações penais e por ato de improbidade administrativa não tiveram cunho pessoal, como alegou o prefeito Flaubert Torres. 


... Aos nossos leitores desejamos um excelente feriadão, cheio de paz e saúde. Até a próxima edição. Fui!!!!!

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia