Acompanhe nas redes sociais:

16 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 814 / 2015

08/04/2015 - 09:44:00

POR DENTRO DO ESPORTE

João de deus [email protected]

Calcanhar de Aquiles

O CRB, com Alexandre Barroso técnico, motiva a torcida. O plantel é avaliado como bom, mas a diretoria, prudente, anuncia reforços no paralelo a dispensas. O Galo terá jogos também pela Copa do Nordeste e Série C do Brasileiro. Torcedores veem na defesa o calcanhar de Aquiles do time.

Reforços chegando

Base do Galo é a de 2014 mas começa a ser alterada e espelha mudanças de Alexandre Barroso com reforços chegando na Pajuçara,  entre eles Clebinho, destaque do time de 2014. A diretoria, opinam torcedores, faz o que tem de fazer. A prioridade é estar na Série B de 2016.


Pingo d´água

Marcos Barbosa, presidente do CRB, tem aval de torcedores na saída de AdemirFonseca e das razões, além da perda do estadual de 2014 atravessada na garganta, o Galo ficar de fora do 1º turno do estadual. Derrota do domingo, para o CEO (1x0), é vista como acidente de percurso.


Pressão dificulta

De Levir Culpi sobre o momento do Atlético-MG: “O time entra em campo com a obrigação de vencer e isso mexe com os nervos dos jogadores”. Frase foi dita antes da vitória (1x0) sobre o Santa Fé em Bogotá (Colômbia), jogo da Libertadores da América. O time avança para chegar às semifinais.


Complemento

Ainda de Levir Culpi: “OAtlético-MG é movido a dramas.Não precisava ser  tão dramático, mas a emoção é grande e por isso é gostoso trabalhar no Atlético”. Achou que o placar podia ter sido com mais gols se o time colombiano não tivesse conjunto bom.Na vitrineGanso (São Paulo) tem potencial técnico de nível alto mas se prejudica pela apatia em campo. Opinião foi em comentário na televisão (ESPN) lastimando o desinteresse dele, visível em campo, para trabalhar o condicionamento físico e conseguir jogar 90 minutos. Bem preparado, não haveria dúvida em considerá-lo craque para a seleção brasileira.


Desabafo

O Brasil é motivo de orgulho para todos do clube. “Agradeci a todos nossos jogadores pelo compromisso e empenho e independente do resultado nosso grupo já é vitorioso. Nós não imaginávamos chegar tão longe na competição”, comentou Cassimiro (Real Madrid), após clássico recente contra o Barcelona no qual saiu derrotado (2x1).


Projetos do Azulão

O CSA passa um bom momento nesta temporada e dos objetivos propostos, além do título do campeonato alagoano, está avançar na maratona nacional e até selou presença nas Copas do Brasil e do Nordeste de 2016. É uma volta aos bons tempos do futebol alagoano. 

Tempo demais

Rogério Ceni comemorou domingo passado 1.454 jogos com a camisa do São Paulo. Apesar de quarentão, está bem preparado e previsões é que prolongue aposentadoria ainda por um bom tempo. Torcedores o definem como líder em campo e exemplo de profissional.

Mais otimismo

Ainda no Azulão torcida não tem o que reclamar. O time provou ser um dos candidatos ao título do estadual na final do primeiro turno, jogos com o ASA. Foram dois empates e o título, segundo azulinos, decidido na “loteria dos pênaltis e após uma série de cobranças”.


Novo reforço

Jardel, cujo início de carreira foi no Vasco, mas virou ídolo no Grêmio e no Porto (Portugal), volta aos gramados, mas agora com a camisa do Esporte Tiarajú, de Cachoeirinha (RS), clube do futebol amador gaúcho. Está com 41 anos e tem mandato de deputado estadual pelo PSD.

Outros de volta

O que acontece no Rio Grande do Sul é natural em outros Estados. No caso, jogador que depois de se aposentar segue jogando em clubes de divisões inferiores aos da elite. Em São Paulo, Muller joga no Fernandópolis e Viola no Taboão da Serra, clubes da quarta divisão.


Vôlei de praia

O circuito Banco  do Brasil  de Vôlei de Praia Sub-21  (duplas) teve a primeira de cinco etapas realizada em Palmas com 54 duplas competindo e realizados 102 jogos. As próximas etapas vão ser, pela ordem, em Maringá (PR), Salvador (BA), Maceió (AL) e Fortaleza (CE). 


Mais desistente

Diego Costa, agora cidadão espanhol, foi convocado para a seleção do país. Já Thiago Motta, Rômulo e Amauri, que optaram pela cidadania italiana,  vão enfrentar a Bulgária, dia 28, pela Eurocopa e depois em um amistoso contra a Inglaterra.


Favorito

Campeão do primeiro turno, o ASA antecipou vaga para a decisão do alagoano, mas nos planos da diretoria  a proposta  é para tentar evitar essa etapa do campeonato. Algo a ver com vencer também o 2º turno. Lembrando: o alvinegro vem invicto nesta maratona de jogos e o bicampeonato, segundo torcedores, “é difícil; nunca impossível”.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia