Acompanhe nas redes sociais:

19 de Setembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 798 / 2014

25/11/2014 - 13:20:00

MEIO AMBIENTE

Acordo climático 

O recente acordo sobre o clima, assinado entre Washington e Pequim, vai obrigar a China a investir imediatamente para reduzir as emissões de gases de efeito estufa até 2030, afirmou nesta semana uma porta-voz da administração Obama, em resposta a críticas. A China, maior poluidora do mundo, estabeleceu como meta que o teto fixado para suas emissões de gases seja alcançado “por volta de 2030”. Essa foi a primeira vez que o país apresentou um plano concreto para a redução de suas emissões.

Chuvas no país 

Um levantamento feito pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) mostra que o Brasil registrou uma queda de 20% no volume de chuva neste ano em comparação com a média histórica. No Vale do Paraíba e região bragantina, onde está localizada a maior parte dos reservatórios do sistema Cantareira, as chuvas ficaram 60% abaixo do esperado. Os dados são correspondentes ao volume de chuvas até 31 de outubro.

Criminosos ambientais

A Interpol fez um pedido na última segunda-feira (17) para que testemunhas se apresentem e ajudem a localizar pessoas procuradas por atentados contra o meio ambiente, como o tráfico de marfim ou a pesca ilegal, em uma primeira iniciativa deste tipo.A organização policial internacional, com sede em Lyon, leste da França, pediu a ajuda de cidadãos de todo mundo para esta operação que permitirá que criminosos sejam localizados e levados ante a justiça.

Natureza desprotegida

Pesquisa feita pelo Ibope, encomendada pela organização WWF-Brasil, aponta que 82% dos brasileiros acreditam que a natureza do país não está protegida de forma adequada e 56% dos entrevistados não estão satisfeitos com as áreas verdes existentes nas grandes cidades – a maior taxa de insatisfação é da população do Sudeste (62%). Os dados foram divulgados no dia 18, durante o Congresso Mundial de Parques, que aconteceu em Sydney, na Austrália.


Excesso de chuva

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou no último dia  17 um mapa que mostra as regiões com maior potencial de agressividade climática na Amazônia Legal, região que engloba os estados do Acre, Amazonas, Roraima, Amapá, Pará, Rondônia, Tocantins, Mato Grosso e parte do Maranhão. A agressividade climática foi associada a regiões com excesso de chuva. Um dos fatores que contribuem com esse extremo é a retirada da cobertura vegetal, isso porque a vegetação desempenha o papel de amenizar os efeitos do clima.


Fundo Verde da ONU

Apesar de não ter sido incluído na agenda de debates da cúpula do G20 pela Austrália, país organizador do encontro, o tema da mudança climática não só veio à tona, como tornou-se um dos destaques do encontro até aqui. O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou uma contribuição de US$ 3 bilhões ao Fundo Verde da Organização das Nações Unidas (ONU).


Gorilas órfãos

O guarda florestal Andre Bauma cuida, há sete anos, de gorilas da montanha dos órfãos, em Virunga, o mais antigo parque nacional da África, na República Democrática do Congo. Ele diz amá-los como se fossem seus próprios filhos. Uma gorila, Ndakasi, é particularmente próxima a Bauma. Ela o vê como mãe. Apesar de ser homem, humano, Bauma assumiu o papel. Pescadores Dois pescadores foram surpreendidos por um grupo de baleias jubarte a poucos metros do barco onde estavam.Svein Assjord e Trond Ivarjord estavam pescando arenques nos fiordes da região do condado de Troms, na Noruega. Eles observavam um grupo de baleias mais afastado do barco, sem perceber que, do outro lado, havia um outro grupo bem mais próximo.


Desmate da Amazônia

O levantamento não-oficial de desmatamento feito pelo Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon), de Belém, apontou nova alta na devastação da floresta amazônica em relação ao ano passado. O SAD, como se chama esse monitoramento independente, detectou 244 km² de desmatamento na Amazônia Legal em outubro de 2014. Isso representou um aumento de 467% em relação a outubro de 2013, quando o desmatamento somou 43 km².

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia