Acompanhe nas redes sociais:

18 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 786 / 2014

03/09/2014 - 09:06:00

MEIO AMBIENTE

Redesim

No dia 21 ocorreu aconteceu no auditório do Instituto do Meio Ambiente (IMA) uma reunião para a inserção do órgão na Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim). O encontro contou com represen-tantes da Secretaria do Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh), Secretaria Municipal de Proteção ao Meio Ambiente (Sempma), Junta Comercial do Estado de Alagoas (Juceal) e Sebrae. A coordenadora do jurídico do IMA, Giovanna Vasco, esteve presente representando o Instituto.A Redesim é um sistema integrado que permite a abertura, fechamento, alteração e legalização de empresas em todas as Juntas Comerciais do Brasil, simplificando procedimentos e reduzindo a burocracia ao mínimo necessário. 

Takumã Kamaiurá

Morreu na madrugada do dia 25, o chefe indígena Takumã, líder do povo kamaiurá, do Alto Xingu. Ele estava há cerca de três meses internado em Brasília após um AVC (derrame), segundo informou um indígena próximo que acompanhou o corpo de volta à aldeia. Um avião deixou Canarana (MT) para buscá-lo. O traslado ocorreu na tarde da segunda. Takumã era considerado um dos grandes xamãs brasileiros, profundo conhecedor da religião e de formas de cura tradicionais. 

Bola de tênis

Um hipopótamo morreu na última semana no Zoológico de Frankfurt, na Alemanha, e a autópsia do animal mostrou que a causa foi uma bola de tênis que ele engoliu. Maikel, de 39 anos, andava sem apetite, o que chamou a atenção dos veterinários do zoo. Apesar de já ser considerado idoso, estima-se que o bicho poderia viver mais uns dez anos se um visitante não tivesse jogado a bola para que ele a engolisse.


Floresta amazônica

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) divulgou, no dia 22, dados do sistema Degrad, que analisa imagens de satélite da região amazônica para avaliar a área de floresta degradada. Por degradada entende-se a floresta que não foi totalmente destruída (corte raso). O levantamento do Inpe traz dados referentes aos anos de 2011, 2012 e 2013 e aponta, respectivamente, áreas de 24.650 km², 8.634 km² e 5.434 km² de mata degradada em diferentes estágios. Somados, os três anos totalizam 38.718 km², que é uma área um pouco menor que a do estado do Rio de Janeiro, que tem 43,7 mil km². Nos três anos, o estado com maiores índices de degradação foi Mato Grosso.

Tuberculose

Um novo estudo conduzido por cientistas alemães contesta a antiga teoria de que os europeus trouxeram a tuberculose para as Américas no século 15. Segundo a pesquisa, coube às focas carregar a doença para o Novo Mundo, centenas de anos antes de Cristóvão Colombo desembarcar no continente.


Vistoria aérea

Uma equipe do Instituto do Meio Ambiente (IMA) fiscalizou no dia 21 áreas na região do sertão e do agreste alagoanos. A vistoria aérea pretendia verificar a situação das obras do Canal do Sertão, bem como dos locais onde houve a supressão da vegetação para que a obra fosse realizada. Outras regiões no agreste do estado também serão avaliadas pela equipe do IMA. Com o sobrevoo poderão ser observadas as condições dos remanescentes florestais de algumas localidades que estão com processos abertos no IMA para se tornarem Unidades de Conservação (UC).


Energia solar

Usinas de energia solar, conhecidas como alternativas energéticas com menos impacto ambiental, têm queimado pássaros em pleno voo nos Estados Unidos. Investigadores federais de proteção à vida selvagem que visitaram no ano passado a usina BrightSource Energy, a maior planta solar do mundo, que fica no deserto de Mojave, verificaram que pássaros queimavam e caíam sobre o local, em média, a cada dois minutos.


Bebê gorila 

Um filhote de gorila nasceu no último dia 16 no zoológico de Oklahoma, e está recendo tratamento especial dos veterinários depois de ter sido rejeitado pela mãe, segundo a Associated Press.O bebê, do sexo feminino, nasceu saudável e forte dentro da ala reservada aos primatas no zoológico, mas a mãe dele, que se chama Ndjole, não demons-trou nenhum interesse em cuidar do filhote nas primeiras 24 horas de vida. 

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia