Acompanhe nas redes sociais:

22 de Setembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 784 / 2014

20/08/2014 - 01:47:00

Vá encher o saco da sua mãe

José Arnaldo Lisboa - [email protected]

Eu já fiz várias ligações para essas “operadoras” de telefones celulares para dizer a elas que eu não quero, absolutamente, receber as insistentes mensagens que elas estão mandando pra mim. São mensagens gravadas e dirigidas para todos nós, em qualquer dia e em qualquer hora. Já reclamei e, depois de muita demora, me atenderam e me deram números de protocolos, para comprovar o atendimento, contudo, continuam enchendo o meu saco. Pensei que iria ficar livre das várias invasões à minha privacidade, porém, parece que estão fazendo de propósito, quando não acabando com as mensagens, muitas elas até com frescuras.

Afinal de contas estamos em um país onde quem manda nele são as tais de “agências reguladoras”, as mesmas que distribuem propinas para todos os lados, para políticos e administradores safados. Eu ainda tenho lembrança da Companhia Telefônica de Alagoas, a nossa CTA e que, depois, foi substituída pela nossa eficiente Telasa, ambas destruídas pelo senhor Fernando Henrique Cardoso, quando acabando com as “teles”, para dar elas de “mãos beijadas” aos estrangeiros. Esse senhor, “já gagá”, foi o mesmo que “comprou” o Congresso Nacional, para que prolongassem seu mandato para 5 anos, tendo conseguido o que os senadores e deputados queriam. Foi este mesmo cidadão que ficou conhecido como “o namorador de misses”.

Com ele, todo o patrimônio dos brasileiros em telecomunicações passou para as mãos dos estrangeiros. Milhões de reais foram jogados fora, com as vendas dessas “teles”. Pura safadeza! Semanalmente, os meios de comunicação sempre estão noticiando que essas “operadoras”, por conta das reclamações, recebem multas vultosas, porém elas se defendem e nunca pagam as multas, pois são protegidas pelos mesmos “mensaleiros” que sempre estão mamando nas tetas do governo.

O tratamento que é dado ao povo que tem telefones celulares é um tratamento humilhante, além dos preços serem os mais altos do mundo. Além de tudo, todas as semanas eles inventam promoções e ficam fazendo suas propagandas insistentes, com nomes em inglês, para enganarem os brasileiros bestas.

Durante esta semana que está no fim, eu recebi umas 20 ou 30 mensagens, perguntando se eu queria fazer um “pacote” para ouvir músicas; se eu queria acompanhar jogos de futebol do meu time; se eu queria ganhar na tele-sena; se eu gostaria de ler versículos da Bíblia Sagrada; se eu queria conhecer excelentes e incríveis piadas, semanalmente, por R$ 0,35/dia; se eu gosto de filmes e quais são os filmes; se eu quero ganhar R$ 150.000,00, devendo responder  SIM ainda hoje e, além de outras porcarias.

 Gostaria de saber, com orientação de um advogado, se existe alguma lei através da qual eu possa processar essas “operadoras” por violação da minha privacidade por ficarem me enviando mensagens que vêm infernizando a minha vida e de outras pessoas. Eu não acredito que eu seja obrigado a aceitar essas mensagens ou se é melhor eu mandar que elas sejam enviadas “para as mães dos diretores.”   


Em Tempo - Eu tenho três leitores “VIPs”. São eles: dr. Cleber de Castro Vasconcelos, dr. Carlos Galvão e o dr. Cláudio Eugênio Tenório de Albuquerque. Agradeço a estes meus amigos pelo incentivo e pelos elogios.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia