Acompanhe nas redes sociais:

21 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 765 / 2014

09/04/2014 - 12:01:00

Ibope: Renan Filho só ganha de Biu se tiver ajuda do pai

Já o senador Renan é líder absoluto; Collor e Heloísa tem 6% de diferença nos votos

Uma análise dos números da última pesquisa do Ibope sobre a disputa majoritária em Alagoas mostra que o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), ganharia a eleição ao Governo logo no  primeiro turno, mas o cenário não seria fácil. Primeiro, ele lidera em rejeição (28%), o que favorece o deputado federal Renan Filho (PMDB) na hora da escolha do candidato da frente de oposição à chefia do Executivo - o menos rejeitado entre todos: 17%.  Mas, ele teria que ter a ajuda do pai para levar a eleição.

(Veja números mais abaixo).O Ibope revela também que o senador Benedito de Lira (PP) virou um oponente de peso. Mas Biu de Lira carrega o terceiro lugar em rejeição (27%). O deputado federal Alexandre Toledo (PSDB) está na segunda colocação (24%).Na lista dos que as pessoas votariam: Renan-pai lidera com 41% dos votos; Biu de Lira vem em seguida com 21%; Alexandre Toledo tem 4%; Mário Agra 3%; Marcos Fireman 1%.O número de eleitores que votam em branco ou nulo, ou nem sabe nem responderam soma 30%. É mais que o percentual de Benedito de Lira. Há chance de mudar o voto? Sim. Daí a aposta na fórmula publicitária.

Os mais indecisos são as mulheres (14%); na idade, tem mais de 55 anos (21%); e na escolaridade até a 4ª série do ensino fundamental (17%).Renan-pai tem vantagem em todas as faixas etárias da pesquisa Ibope. Na escolaridade, só perde para os eleitores que têm ensino superior.

Quem está nesta faixa, votaria em branco ou anularia a opção: são 35% dos entrevistados. Na renda familiar, Renan-pai tem vantagem em todas: até um salário e até quem tem mais de dois (mais de dois, 33%); mais de 1 a 2, 43%; até um, 45%). Diz o Ibope: Renan ganha em Maceió (27%), mas os votos brancos ou nulos somam 34%. No interior a situação se inverte: 47% querem Renan-pai. Em segundo lugar, Benedito de Lira (22%). Se Renan-pai não for o candidato, as chances de Renan Filho caem porque ele fica tecnicamente empatado na margem do Ibope: Renanzinho, 29%; Biu, 26%. E o número de votos em branco/nulo ou não sabe/não responderam sobe para 35%. 


Se Renan-pai sai, Filho tem problemas

Dividindo a pesquisa por escolaridade, ao contrário do pai, Renan Filho teria problemas. Por exemplo: lidera entre os eleitores até a 4ª série do ensino fundamental (34%); de 5ª a 8ª série do ensino fundamental Biu e Renan estão empatados tecnicamente (30%, 28%). Aos que têm ensino médio, empatados (27%). Aos que tem curso superior, 21% votariam em Biu; 17% em Renan Filho (tecnicamente empatados). Mas, os votos em branco/nulos disparam: 34%.

Quanto a renda, Renan Filho e Biu de Lira estão empatados tecnicamente para quem ganha mais de dois salários (23% e 28%); mais de 1 a 2 há vantagem larga para Renan: 32%; Biu tem 23%. Até 1 salário, 31% para Renan e 26% para Biu. O senador de Murici tem mais força eleitoral na Capital: 20%; Renan Filho teria 14%. Mas, os dois enfrentariam um grande percentual de votos nulos ou em branco: 35%; apenas 15% no Interior.Na rejeição, incluindo Renan-pai e retirando o filho, Renan tem 28%; Mário Agra, 28%; Benedito de Lira, 27%; Alexandre Toledo, 24%, Marcos Fireman, 23%; e Renan Filho, 17%. Poderia votar em todos somam 12%; não sabe/não respondeuram 17% dos entrevistados.

 Na disputa ao Senado, Fernando Collor ganharia, mas a diferença entre ele e a vereadora Heloísa Helena é de seis pontos percentuais: 38% a 32%. Eleitores entre 16 e 24 anos votam em Collor (45%), e a vereadora tem 32% deste público; 25 a 34 anos, em Heloísa (41%), Collor tem 31%; 35 a 44 anos em Collor (Heloísa tem 30%); 45 a 54 anos, Collor (40%), Heloísa  - neste público - 31%. 55 anos e mais são Collor (40%), Heloísa, 31%.48% das pessoas até a 4ª Série do Ensino Fundamental votam em Collor (20% em Heloísa); 38% da 5ª a 8ª Série do Ensino Fundamental votam em Collor (32% Heloísa).

Com Ensino Médio e Superior, vantagem para a vereadora: 40% e 49% (31% e 20%, Collor).Quesito renda: mais de dois salários, Heloísa é maioria: 43% (Collor, 27%); mais de 1 a 2, Collor tem vantagem: 41% (31% Heloísa); até 1 salário, Collor tem maioria: 45% (Heloisa: 25%). A vereadora tem mais votos em Maceió (44%). Já Collor, 26%. No interior, é inverso: Collor tem 43% dos votos. 27%, Heloísa.O Ibope perguntou qual dos candidatos ao Senado você não votaria de jeito nenhum. Maioria respondeu Collor (32%), que está empatado com o vice-governador José Thomáz Nonô. Heloísa vem em terceiro (22%), empatada com o ex-prefeito de Arapiraca, Luciano Barbosa.

A pesquisa foi feita a pedido do PMDB entre os dias 22 e 25 de março. Foram entrevistados 812 eleitores. Margem de erro é de 3 (três) pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra. Registrada no TRE sob o protocolo Nº AL-00001/2014 e no TSE sob o protocolo BR-00052/2014. 

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia