Acompanhe nas redes sociais:

21 de Setembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 764 / 2014

01/04/2014 - 08:18:00

Sururu

O negócio da Dilma...

Da Redação

“A mulher abre o negócio, tem seus filhos, cria os filhos e se sustenta, tudo isso abrindo o negócio”.Frase da presidente Dilma no Dia Internacional da Mulher. A propósito, Dilma Rousseff também já abriu o negócio dela. Uma loja de produtos xing-ling – de R$ 1,99. Mas não conseguiu manter o negócio aberto. Fechou o negócio...

Em baixa

A popularidade do governo da presidente Dilma Rousseff caiu em março, em comparação com novembro de 2013, segundo pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (27) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). O percentual da população que avalia o governo Dilma como ótimo ou bom caiu de 43% para 36%.  Vale ressaltar que, houve queda em todas as nováreas do governo avaliadas, especialmente na economia.


Unanimidade na ALE

O presidente da Comissão e Orçamento da Assembleia Legislativa de Alagoas, Jota Cavalcante (PDT), garantiu que o veto do Executo ao reajuste de R$ 32 milhões no orçamento da Casa de Tavares Bastos será derrubado na terça-feira (1º). Cavalcante antecipou que o placar será expressivo:  27 a 0, o que representaria à unanimidade de votos.

Dia do autismo

No Dia do autismo,  a Associação de Amigos do Autista - Alagoas (AMA-AL) promoverá uma caminhada no final da tarde para divulgar a causa, com distribuição de folhetos e busca de doações e apoio para o seu mais novo projeto. A concentração é na partir das 16h30, saindo do Canoa até o Alagoinha, na praia da Pajuçara. E a Delicias do Cerrado estará revertendo para a AMA-AL 10% da renda deste dia.

Feira do livro

A Feira de Livros no shopping Pátio Maceió se estenderá até o próximo mês e oferece desde  livros infantis à enciclopédias e literatura brasileira. O evento acontece  das 10h às 22 h, e aos domingos, das 14h às 22h. O preço dos livros varia de  R$ 5,00 até R$ 80,00.

Trem de luxo em PJ
O prefeito de Paulo Jacinto, “o Nildo do Jaime”(PSB), mesmo alegando que o município está em crise constante, resolveu criar cerca de 100 cargos em comissão para seus apadrinhados com super salários que variam de R$ 724,00 a R$ 3 mil reais. O trem de luxo do prefeito foi aprovado pela maioria.

Firme sim, forte talvez

Benedito de Lira (PP) sabe que um dos adversários para o governo é  Renan Filho (PMDB). A expectativa, por isso, não só dele mas do PMDB também é com os tucanos. No caso a posição do governador Teotonio Vilela, pois o PSDB com candidato à presidência vai ter que estar forte nos Estados.  


De Lula

“Já falei para Dilma que ela não pode ser chefe da casa civil, mas, sim, presidente da República Tem de delegar. Tem de ser mais líder e menos general.” O recado dado por Lula no almoço que teve recente com empresários.  E completando: “Já disse para ela se aproximar. Tem de fazer discussões com os empresários antes que seja tarde demais .” (Com Veja, edição de 26 de março).


Quadro brasileiro

Hoje no Brasil bandido mata pai de família e o crime vira questão social. Agora se é o policial quem mata bandido em defesa da sua vida, de outros cidadãos  e da ordem pública, é  violento. É esse o Brasil da impunidade. Questão foi levantada em conversa sobre a falta de segurança nas ruas. 

Jornalistas

Os jornalistas alagoanos começam a se movimentar para eleger a próxima diretoria do sindicato da categoria. Bleine Oliveira, do jornal Gazeta, é um dos nomes fortes para presidente.  

Relembrando

Revista do Sul, de circulação nacional, divulgou começo do ano nota sobre proposta para a legislatura que começa em janeiro de 2015  os apartamentos usados pelos senadores  tenham metragem de no máximo 95 metros quadrados. Ou seja, a metade dos ocupados atualmente.

 
Efeito positivo

O silêncio de Teotônio Vilela no PSDB   transformar  em “ martírio” a ansiedade de  quem compõe na lista relativamente longa de pré-candidatos a sucessão dentro da assessoria dele.  Alguns já  citados, mas nenhum pressentiu sinal do governador que transmita entusiasmo.

 
Violência

Ações bandidas no Brasil cai  na rotina  e os governos, federal e estaduais, além  do Congresso dão sinais de alheamento ao banho de  sangue que se espalha nas ruas do Rio, São Paulo e já começa a se espalhar estados afora. Em Alagoas já  aparece  avanço na estatística do crime. 


Mudanças

Em Brasília não é visto movimento no Planalto para mudança no staff  administrativo em fase das eleições. Isso não por necessidade de melhorar ações administrativas mais para cumprir a legislação eleitoral. Dilma tem assessores com  candidaturas lançadas nos Estados.


Sob tensão

Eduardo Campos  começa a espalhar brasa para fortalecer a sua candidatura a presidência da República. Alias,  ele e Aécio Neves devem unir esforços para tentar conter o favoritismo de Dilma Rousseff. O prenúncio do acordo, por isso, movimenta o noticiário da mídia nacional.


Pés no chão

Divaldo Suruagy (PPS) não descarta interesse de ser candidato a deputado estadual. Mas diz que caminho com os pés no chão e só oficializa a candidatura ses entir chance de ser eleito.  Ele visita amigos, viaja para o interior, faz novas amizades e conversa bastante para só então  tomar a decisão. 


Comentário

“O que há no governo é mais do que má gerência. É uma fé infinita na empulhação, ofedendo a inteligência alheia.”  Comentário é do jornalista Elio Gaspari, divulgado recente na coluna dele publicada na Folha de São Paulo.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia