Acompanhe nas redes sociais:

15 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 763 / 2014

27/03/2014 - 20:27:00

Luiz Pedro será julgado por mandar executar servente de pedreiro

STJ nega recurso e ex-deputado irá para júri popular

João Mousinho [email protected]

O dia 12 de agosto de 2004 jamais chegará ao fim para seu Sebastião Pereira dos Santos, pai do servente de pedreiro Carlos Roberto Rocha Santos, Beto, que na madrugada desse dia foi sequestrado por quatro elementos e executado a mando do ex-deputado Cabo Luiz Pedro.  

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou seguimento ao recurso especial de Luiz Pedro, onde ele é acusado de crime de homicídio, sequestro e formação de quadrilha. Com a decisão da Corte Superior, o ex-deputado irá sentar no banco dos réus, onde o conselho de sentença vai definir seu futuro.

Mais uma vez seu Sebastião relatou a reportagem do Jornal Extra, como fez há 10 anos, o modus operandi que ele denomina de “bando armado Luiz Pedro”. “Meu filho sempre foi um sujeito pacato e não suportava o autoritarismo de melicianos de Luiz Pedro na região que ele morava.

Após algumas situações onde ele foi constrangido e revidou com palavras, o seu destino perante a quadrilha de Luiz Pedro já estava traçado”. 

VEJA A MATÉRIA COMPLETA NO JORNAL EXTRA NAS BANCAS

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia