Acompanhe nas redes sociais:

22 de Novembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 763 / 2014

26/03/2014 - 10:05:00

Alagoas em chama

Mauricio Moreira

Uma das mais tristes passagens do Império Romano aconteceu com o nefasto psicopata Nero, quando chegando ao máximo da sua megalomania e perversidade, incendiou Roma e colocou a culpa em inocentes cristãos. Assim vem acontecendo com a nossa Alagoas. O governador tucano, direta ou indiretamente, tocou fogo em nosso Estado.

A pólvora foi acesa no seu desastroso, incompetente, mesquinho e egoísta primeiro mandato.Era a fase cínica de seu governo, cujo slogan era “Falando honestamente”.De honesto o governo não tinha nada, era dominado pelos ditos “caras de santo”, sabotadores e virulentos, que não somaram nada de positivo para o Estado. O próprio governador - que gosta de posar de bom moço - quando de bom moço não tem nada. Na verdade, é omisso e perseguidor, e usa dos métodos mais frios e calculistas para confundir e tentar ludibriar a opinião pública. 

O presidente do Senado, Renan Calheiros, um dos políticos que mais contribuiu com a viabilização de  recursos para o nosso Estado, no começo do governo tucano entregou todas as secretarias e cargos que o PMDB ocupava, alegando que o governo tucano estava dominado por egoístas, invejosos e luas pretas que sabotavam alianças politicas em prol de Alagoas.

No recente e triste episódio da Assembleia Legislativa, o competente, ético e homem de caráter exemplar, que é o Procurador-Geral do Estado Sergio Jucá, não teve apoio algum do Governo, muito pelo contrário, o Ministério Público vem enfrentando a mais mesquinha perseguição, nunca vista na histópria de Alagoas.O bravo e competente Senador Collor que apoiou incondicionalmente o Governo Lula e vem apoiando desde o começo o Governo Dilma, tem dado importante contribuição em prol de Alagoas. Sua passagem pelo Senado é elogiada por todos, pela sociedade alagoana e até por antigos adversários. Passagem marcada pela defesa incansável dos interesses de Alagoas. 

O Brasil e o povo alagoano lembram claramente o combate destemido, corajoso e da voz solitária do senador Collor na imprensa nacional, defendendo o senador Renan Calheiros das conspirações nos bastidores e publicamente do alto tucanato estadual e nacional e das denúncias injustas do Procurador Gurgel de Justiça. Portanto, a união dos bravos senadores alagoanos Fernando Collor e Renan Calheiros, através de suas ações, conquistas e lutas em defesa de Alagoas, sem dúvida nenhuma é o melhor para o nosso Estado.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia