Acompanhe nas redes sociais:

24 de Setembro de 2018

Outras Edições

Edição nº 751 / 2013

30/12/2013 - 10:04:00

Meio Ambiente

Crime ambiental

A equipe da Diretoria de Monitoramento e Fiscalização do Instituto do Meio Ambiente (IMA), junto com policiais do Batalhão de Polícia Ambiental (BPA), flagrou no último dia 11 um crime ambiental em área de vazante do rio Mundaú, no município de Satuba. Parte da várzea estava sendo aterrada sem autorização e de modo irregular. Segundo os técnicos e policiais que estiveram na área, há um agravante porque o Mundaú banha os estados de Alagoas e Pernambuco, onde ele nasce. Após a apresentação dos esclarecimentos e caso seja comprovado o crime ambiental, o proprietário poderá ser multado e terá que retirar todo o material depositado no local.

Espécies da caatinga 

Os quatro estudantes pesquisadores que fazem parte do Herbário MAC do Instituto do Meio Ambiente (IMA), como bolsistas do órgão e da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (FAPEAL), durante o sábado e domingo (14 e 15), realizaram uma nova expedição no Refúgio da Vida Silvestre (RVS) dos Morros do Caraunã e do Padre. Já no dia 12 uma turma do curso de biologia da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) visitou a mesma área para pesquisa sobre o bioma Caatinga. 


Ambientes Recifais

Com a aproximação do verão e o aumento do número de pessoas que usufruem as praias do estado, o Instituto do Meio Ambiente (IMA) começou a partir de domingo (15), as ações de educação ambiental, monitoramento e fiscalização da costa alagoana com a realização do projeto Conduta Consciente em Ambientes Recifais na piscina natural da Pajuçara. A atividade é desenvolvida, através do setor de Gerenciamento Costeiro (Gerco). Os técnicos deverão abordar os usuários e dar orientações sobre locais corretos para atracação de embarcações e atitudes que devem ser evitadas, como não jogar lixo no mar, não quebrar e nem arrancar os recifes de corais, não alimentar os peixes e não retirar conchas e outras espécies de organismos marinhos como souvenir.

Sustentabilidade

Quase 8,5 toneladas de papelão e 6 toneladas de plástico reciclados em 2013, é o resultado de uma iniciativa interna da Ativa Logística (www.ativalog.com.br), um dos maiores operadores logísticos brasileiros nos segmentos de medicamentos e cosméticos. Esse volume de material ajudou a preservar quase 297m² de floresta, 169 mil litros de água e quase 6 mil litros de petróleo, utilizados na produção destes materiais.A Ativa reciclou também cerca de 500 paletes por mês, trabalho feito pela equipe interna da empresa, o que diminuiu o custo em relação à compra de novos paletes. Além da reciclagem, todo o óleo diesel utilizado na frota de mais de 500 veículos da companhia é direcionado para uma empresa de lubrificantes que realiza o descarte sem apresentar risco ao meio ambiente. Já os pneus são destinados a uma especialista em recapagem de vias, além de artigos artesanais.


 Chico Mendes

O Congresso Nacional promoveu na segunda-feira (16), no plenário do Senado, uma sessão solene em homenagem aos 25 anos da morte do ambientalista Francisco Alves Mendes, mais conhecido no país como Chico Mendes. Líder seringueiro da Amazônia, ele foi assassinado em 22 de dezembro de 1988, aos 44 anos, com um tiro no peito na porta de sua casa, no município de Xapuri (AC). Nesta segunda, a presidente Dilma Rousseff sancionou um projeto de lei, de autoria da deputada Janete Capiberibe (PSB-AP), que torna Chico Mendes patrono nacional do meio ambiente.Durante a sessão conjunta do Senado e da Câmara que resgatou a memória do líder seringueiro, o senador Anibal Diniz (PT-AC), um dos autores do requerimento que sugeriu a homenagem, destacou a importância de Mendes contra o desmatamento. 

Habitat do veado

O aquecimento do planeta poderá acabar com os bosques em que vive o veado norte-americano, aponta estudo publicado na “Nature”. Segundo os pesquisadores, da Europa e da América do Norte, o animal precisa de ambientes não perturbados e ricos em líquens, ambiente que, segundo eles, está desaparecendo.

Domesticados

A análise de fósseis de gatos que viveram em um vilarejo chinês há cerca de 5,3 mil anos corrobora a principal teoria sobre como os felinos selvagens tornaram-se os gatos domesticados que conhecemos hoje em dia. Os resultados da pesquisa conduzida pela Universidade de Washington foram publicados na segunda-feira (16) na revista científica “Proceedings of the National Academy of Sciences” (PNAS). A teoria dominante sobre como os gatos selvagens se transformaram ao longo dos anos defende que foi o apetite dos felinos que os colocaram no caminho da domesticação. O grão armazenado pelos antigos agricultores funcionava como um ímã de roedores.


Nova espécie de besouro 

Cientistas do Instituto Smithsonian descreveram uma nova espécie de besouro que vive nas florestas da Guiana Francesa e pertence ao gênero Pseudomorpha, conhecido por viver em meio a variados tipos de formigas. De acordo com a publicação científica “Zootaxa”, o besouro Guyanemorpha spectabilis é um inseto considerado grande se comparado aos demais “parentes” desse gênero.


Volume de gelo

O volume do gelo marinho no Ártico, medido neste outono no Hemisfério Norte pelo satélite CryoSat, aumentou 50% em relação ao 2012, anunciou na segunda-feira (16) a Agência Espacial Europeia (ESA, na sigla em inglês).Com base nas observações do CryoSat, o mar de gelo do Ártico media cerca de 9 mil km³ contra 6 mil km³ registrados no ano passado na mesma época, quando ocorreu um degelo recorde.O aumento do volume de gelo marinho do Ártico “é uma boa notícia, mas isso não indica uma inversão da tendência em longo prazo”, destacou a Agência Espacial.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia