Alagoas, 06 de julho de 2020 23º min 27º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
Paulo Nicholas
Opinião

Artigos de Paulo Nicholas

Por Paulo Nicholas
OPINIÃO

Estrela

30/04/2020 14h02

Estrela é uma grande esfera de plasma luminosa que, em razão de reações nucleares em seu núcleo, libera energia para o espaço em diversas formas (térmica, eletromagnética, raios-x, etc) e ainda irradia luz. Quase todos os elementos existentes no universo são provenientes deste astro ou de reações ocorridas devido à ação de sua energia em outros corpos celestes.

Estrela é, não por coincidência, um termo usado para adjetivar pessoas que têm brilho próprio, que irradiam luz. Pessoas dotadas de uma energia capaz de ser transmitida para outras e de criar reações espetaculares de crescimento, de evolução. De iluminar caminhos e fazer nascer novas estrelas.

A vida só existe em nosso planeta devido à nossa estrela, o Sol. Sua energia nos proporciona tanto as reações necessárias para a existência da vida (luz, calor, etc.) como ainda alimenta nossa alma com paisagens belíssimas. Afinal, quem nunca admirou um pôr do sol, por exemplo?
Talvez seja por isso que usamos o termo “estrela” para determinadas pessoas. Porque tiveram o poder de, durante a sua vida, irradiar energia para tantas outras pessoas e coisas brotarem e existirem. Poder para fazer acontecer, para que, enfim, tudo que entre em contato com sua energia possa florescer, crescer, evoluir, progredir, se transformar.

Fui amigo de uma estrela. Ela tem nome e sobrenome: Luiz Flávio Gomes. Uma pessoa que tinha o apelido de Dr. Furacão, quando na verdade deveria ser Dr. Sol. Um ser realmente iluminado de uma energia interna singular, uma força de vontade aliada a um poder de ação que se emendava com sorrisos gratuitos e uma forma de falar peculiar que simplesmente gerava e transmitia energia para tudo e todos em sua volta.

Não dá para contar quantas vidas foram transformadas pela energia do professor LFG. Os professores que brilharam sob sua luz, os negócios que emergiram da rede LFG, os alunos que evoluíram com suas aulas, as pessoas que se inspiraram com suas palestras, as famílias que ajudou a alimentar com seus negócios, os votos conquistados na luta contra a corrupção.

Luiz Flávio (como eu carinhosamente o chamava), o meu amigo de hábitos e jeitos simples que tive a honra de biografar para o livro SUCESSO COM DIREITO fazia sempre questão de dizer que “Sucesso é ter um sonho, lutar por ele e transformá-lo em realidade”. Sempre fez tudo isso sem esquecer de viver e sorrir: contar piadas, sair para ouvir rock na noite, beber cerveja num boteco ou vinho num bom restaurante, singrar os lugares mais recônditos do Brasil para, gratuitamente dar palestras e transmitir sua energia, gerar coisas novas, irradiar progresso com seu inesquecível AVANTE!

Mas infelizmente, mesmo as estrelas morrem. Mas não é o fim. Elas se transformam em supernovas e sua matéria vai servir para a formação de novas estrelas. 

De igual modo foi sua vida. Sua energia foi gerada de uma reação interna possante como uma fusão nuclear, irradiada e transmitida para diversas outras pessoas que a usaram, usam e usarão para crescer e, algumas, se tornarem novas estrelas. Afinal, tudo no universo tem seu ciclo e o da minha estrela amiga chegou ao fim.
Prefiro enxergar assim: meu amigo não se foi, apenas durante seu tempo de estrela se doou em energia para o universo, transmitiu, difundiu, irradiou. Agora ele é uma supernova. Sua estrutura original se desfez e sua energia segue o rumo do universo para o surgimento de novas estrelas futuras.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade