Alagoas, 25 de janeiro de 2022 24º min 31º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
EM ALAGOAS

Lei que estabelece piso salarial da enfermagem é sancionada

Adja Alvorável / Estagiária sob supervisão, com assessoria

14/01/2022 21h09

Projeto foi aprovado por unanimidade pela Assembleia Legislativa
SMS/MaceióProjeto foi aprovado por unanimidade pela Assembleia Legislativa

Foi sancionado pelo governador de Alagoas, Renan Filho,o projeto de lei que estabelece o piso mínimo para enfermeiro, técnico de enfermagem, auxiliar de enfermagem e parteiras. O ato  aconteceu na tarde desta sexta-feira (14).

O projeto, que foi aprovado por unanimidade pela Assembleia Legislativa, regula o piso salarial mínimo dos profissionais de enfermagem nas instituições de saúde públicas e privadas em Alagoas, com base em jornadas de trabalho de 30 horas semanais. Os valores serão escalonados com aumento gradual de 2022 até 2025.

Para os enfermeiros o valor previsto é de R$ 3 mil mensais em 2022; R$ 4.350 nos anos de 2023 e 2024; e R$ 4.750 a partir de 2025. Para jornadas de trabalho superiores a 30 horas semanais, o piso salarial terá a correspondência proporcional.

Já para os demais profissionais da enfermagem, o projeto prevê: em 2022, R$ 1.800 para técnicos de enfermagem e R$ 1.200 para auxiliares de enfermagem e parteiras. Em 2023 e 2024, os valores passam para R$ 2.610 para técnicos e R$ 1.740 para auxiliares e parteiras. E a partir de 2025, os valores chegam a R$ 2.850 para técnico e R$ 1.900 para auxiliares e parteiras.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade