Alagoas, 16 de outubro de 2021 25º min 29º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
CARTA

Jefferson chama Calheiros e Alcolumbre de 'príncipes das trevas'

Brasil 247

14/10/2021 08h08

Roberto Jefferson
DivulgaçãoRoberto Jefferson

O presidente do PTB, Roberto Jefferson, escreveu uma carta com ataques ao senador e relator da CPI da Covid, Renan Calheiros (MDB-AL), e ao ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira (PP-PI). 

Segundo o jornal O Globo, o documento, intitulado “reflexões de um preso político” foi divulgado por integrantes do partido. Na carta, Jefferson chama Ciro e Renan de “anjos decaídos” e “príncipes das trevas”.

No texto, escrito em um hospital no Rio de Janeiro, onde o ex-deputado — que foi preso por determinação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes no âmbito do inquérito dos atos antidemocráticos — se recupera de um cateterismo, Jefferson insinua a existência de um acordo entre Ciro Nogueira e Renan Calheiros em torno da nomeação do próximo ministro do STF. 

Atualmente, André Mendonça, que foi indicado para uma vaga na Corte por Jair Bolsonaro, vem tendo a sua sabatina barrada pelo senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), presidente da Comissão de Constituição e Justiça.Na carta, Jefferson chama Ciro Nogueira e Renan Calheiros de “anjos decaídos” e “príncipes das trevas”. Renan também foi taxado de “sinistro” e “senador de Satanás”. 

O ex-parlamentar faz coro ao pastor bolsonarista Silas Malafaia que vem cobrando que o governo pressione o Senado para realizar a sabatina de Mendonça, considerado “terrivelmente evangélico”. “Será que trataram da nomeação para ministro do STF de André Mendonça? Ou será que discutiram um acordo, ministro e sinistro relator da CPI da Covid?”, perguntou.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade