Alagoas, 26 de julho de 2021 23º min 26º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
"CAUTELOSO"

Ligado a Bolsonaro, JHC evita discurso mais radical

Prefeito de Maceió prefere não correr o risco de tornar-se impopular junto ao eleitorado

Odilon Rios

20/06/2021 13h01 - Edição 1123

JHC, prefeito de Maceió
AssessoriaJHC, prefeito de Maceió

Apesar de mostrar proximidade com o presidente Jair Bolsonaro, o prefeito JHC (PSB) evita, ao menos publicamente, assumir posições mais radicais, postura captada por seu grupo na administração municipal e até entre os vereadores de Maceió da base aliada. 

Jota se apoia nos resultados da vacinação na capital, que repercutem nacionalmente; no ônibus da vacina, que chega aos bairros, mais perto das pessoas e imunizando mais gente e; nas ações adotadas esta semana após as fortes chuvas na capital. 

Mas, seu grupo político ainda é extremamente reduzido. Na Assembleia Legislativa, os deputados Davi Maia (DEM) e Cabo Bebeto (PTC) não fazem a defesa do prefeito, apesar de indicações na administração municipal. Maia e Bebeto ecoam com mais força a estratégia de desgaste do governador, usando o nome de Jair Bolsonaro.

Leia na íntegra no EXTRA ALAGOAS nas bancas!

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade