Alagoas, 06 de junho de 2020 25º min 28º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
Eleição diferente

Partidos políticos vivem uma situação inusitada nunca vista

Gabriel Mousinho - Colunista do EXTRA

22/05/2020 07h07

Enquanto o TSE não define, candidatos a prefeito e vereador vivem num dilema
DivulgaçãoEnquanto o TSE não define, candidatos a prefeito e vereador vivem num dilema

Com as eleições de outubro indefinidas quanto ao dia e mês em que serão realizadas, os partidos políticos vivem uma situação inusitada nunca vista em todos os tempos. Mesmo insistindo que o pleito eleitoral deve acontecer ainda este ano, o Tribunal Superior Eleitoral aguarda, ainda, uma definição dos órgãos de saúde para marcar a data das eleições do primeiro e consequentemente do segundo turno.

Enquanto o TSE não define, candidatos a prefeito e vereador vivem num dilema. Não podem fazer campanha, estão distantes do eleitorado e lideranças políticas e não sabem até agora o que fazer. 

Em Maceió, a exemplo de outras capitais, não é muito diferente. Ações isoladas são feitas sutilmente nas redes sociais, mas o corpo a corpo, fundamental em processo eleitoral, está mesmo muito longe de acontecer. As eleições devem ser ganhas mais pelas redes sociais do que mesmo pelo contato físico e isso deve demorar ainda muito tempo para acontecer. Talvez em 2022.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade