Alagoas, 03 de dezembro de 2021 26º min 32º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
"Segurança"

Defesa Social reforça ações de segurança para combater assaltos a bancos em Alagoas

Medidas adotadas em conjunto com as instituições financeiras para inibir ação de assaltantes foram discutidas nesta quarta-feira (16)

Agência Alagoas

17/05/2012 09h09

Defesa Social reforça ações de segurança para combater assaltos a bancos em Alagoas

A Secretaria da Defesa Social (Seds), em conjunto com o setor bancário, vai reforçar as ações de segurança para combater a incidência de assaltos a bancos e ataques a caixas eletrônicos no Estado. As medidas de segurança foram discutidas ontem, quarta-feira (16), em reunião ocorrida na Seds, com a participação de dirigentes do Sindicato dos Bancários e representantes do Bradesco, Caixa Econômica e Banco do Brasil.

 

 

 

 

 

 

 

O secretário adjunto da Defesa Social, delegado Paulo Cerqueira, abriu a reunião falando da importância da integração entre os órgãos policiais e instituições financeiras para reduzir os assaltos e ataques a caixas eletrônicos. “Diante da organização das quadrilhas de assaltantes, temos que adotar uma linha de trabalho de forma integrada com o setor bancário, visando combater essa modalidade de crime”, disse.

 

 

 

 

 

 

 

Cerqueira garantiu o reforço no trabalho de inteligência realizado pela Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic) da Polícia Civil para identificar e prender os integrantes de quadrilhas envolvidas com os assaltos a bancos e casas lotéricas, como também a roubos de caixas eletrônicos. Segundo ele, o Núcleo de Inteligência deverá trabalhar em conjunto com a P-2, da Polícia Militar.

 

 

 

 

 

 

 

Além disso, a PM pretende direcionar o policiamento ostensivo e preventivo para a área comercial de cidades com agências bancárias e outras instituições financeiras, que são os principais alvos dos assaltantes. “Vamos procurar direcionar o policiamento para esse trabalho preventivo, em especial nos maiores municípios”, afirmou o subcomandante da PM, coronel Dimas Cavalcante.

 

 

 

 

 

 

 

Na reunião, ficou acertado um maior intercâmbio entre a Polícia Civil e os bancos para ajudar nas investigações policiais, com o repasse de informações sobre os assaltos e envio em tempo hábil das imagens captadas pelo circuito interno dos bancos. Policiais da Deic também farão palestras para funcionários de bancos com dicas sobre medidas de segurança.

 

 

 

 

 

 

 

Para a delegada Maria Angelita, da seção de Roubos a Bancos da Deic, as medidas irão ajudar a polícia a reunir provas técnicas que resultam na identificação e prisão dos membros de quadrilhas especializadas nessa modalidade de crime. Segundo ela, a PC vem conseguindo desbaratar várias quadrilhas de banco, a exemplo da prisão de 15 pessoas envolvidas no assalto a uma agência bancária na cidade de Rio Largo, no mês passado.

 

 

 

 

 

 

 

Da parte dos bancos, dirigentes do Bradesco, Caixa Econômica e Banco do Brasil garantiram que as instituições estão adotando medidas preventivas para inibir a ação dos bandidos, como a instalação de portas giratórias, colocação de tapumes padronizados na frente dos caixas e no sistema de câmeras.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade