Alagoas, 20 de maio de 2022 23º min 27º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
INSS

Médicos anunciam greve que pode prejudicar 25 mil perícias

Tamara Albuquerque

28/01/2022 15h03 - Atualizado em 28/01/2022 15h03

Médicos peritos decidem aderir à paralisação para reivindicar reajuste salarial
Agência BrasilMédicos peritos decidem aderir à paralisação para reivindicar reajuste salarial

Peritos médicos do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) decidiram se unir aos servidores federais em protesto pelos reajustes salariais não concedidos ao funcionalismo pelo presidente Jair Bolsonaro (PL). A previsão é que os peritos vão cruzar os braços na próxima segunda-feira, 31, segundo fontes ouvidas pelo portal de notícias Metrópoles.

A classe reivindica aumento de 19,9% no salário. 

A União reservou R$ 1,7 bilhão no Orçamento de 2022, mas não descreveu quais categorias serão contempladas. O valor, no entanto, já foi prometido para cobrir o reajuste salarial dos policiais federais, demanda que partiu do próprio mandatário do país.

De acordo com as informações do portal, que ouviu dra. Mayara Reges, advogada especialista em direito previdenciário da Marcos Inácio Advogados, somente com a paralisação de segunda-feira, mais de 25 mil peças de perícia serão atrasadas até março de 2022.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade