Alagoas, 27 de maio de 2022 23º min 26º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
ELEIÇÕES 2014

Pesquisa Datafolha aponta empate técnico entre Dilma e Marina; Aécio tem 14%

04/09/2014 08h08

Pesquisa Datafolha aponta empate técnico entre Dilma e Marina; Aécio tem 14%

Pesquisa de intenção de voto divulgada na quarta-feira (3) pelo Datafolha aponta a candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT) com 35% na preferência do eleitorado, seguida da candidata Marina Silva (PSB) com 34% e do candidato Aécio Neves (PSDB) com 14% na disputa pela Presidência da República.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Segundo os números, Dilma e Marina estariam tecnicamente empatadas. No levantamento anterior do instituto, divulgado no dia 29 de agosto, Dilma tinha 34%, Marina, 34%, e Aécio, 15%.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Os números mostram ainda os candidatos Eduardo Jorge (PV), Luciana Genro (PSOL), Pastor Everaldo (PSC) e José Maria (PSTU) com 1% cada. Brancos e nulos somam 6% e 7% não sabem em quem votar.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A pesquisa também perguntou em quem os eleitores votariam em um eventual segundo turno. Os resultados mostram que na disputa entre Dilma e Marina, a candidata do PSB venceria a do PT por 48% a 41%. O resultado aponta uma diminuição da diferença entre as candidatas, pois na pesquisa anterior do Datafolha Marina venceria por 50% a 40%.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Já no embate contra Aécio Neves, Dilma venceria por 49% a 38% (na semana anterior, era 48% a 40%). O instituto também fez simulação de um embate entre Marina e Aécio, cenário em que a candidata do PSB venceria por 56% a 28%.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O Datafolha ouviu 10.054 eleitores de 361 municípios, entre 1º e 3 de setembro. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa, encomendada pela TV Globo e pelo jornal Folha de S.Paulo, está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número BR-00517/2014.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Agência Brasil

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade