Alagoas, 07 de agosto de 2020 23º min 26º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
CORONAVÍRUS

Para OMS, vários países estão indo na direção errada na pandemia

Com Estadão Conteúdo

13/07/2020 15h03

A declaração é do diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom
DivulgaçãoA declaração é do diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom, afirmou nesta segunda-feira, 13, que alguns países não têm aplicado as recomendações básicas de saúde para controle do coronavírus e que, caso essa situação continue, o quadro geral da pandemia piorará.

"Deixe-me ser direto: muitos países estão na direção errada. O vírus permanece como inimigo público número 1, mas a ação de muitas pessoas e governos não reflete isso", disse Tedros. "Se as medidas básicas não forem seguidas, a única direção que essa pandemia pode seguir é piorar, piorar e piorar".

O diretor-geral falou que no domingo, 12, 230 mil novos casos de covid-19 foram reportados à organização, sendo que 50% desses correspondiam a apenas dois países. Segundo dados da Universidade Johns Hopkins desta segunda-feira, já são mais de 12,9 milhões de infectados pelo coronavírus registrados no mundo.

Ele destacou que todo cidadão não deve deixar de seguir os princípios básicos: distanciamento social, higienização constante das mãos, uso de máscara, etiqueta respiratória e permanência em casa, se estiver doente. "Não tem atalhos nessa pandemia. Todos nós queremos uma vacina, mas precisamos usar as ferramentar que temos".

Tedros ainda disse que alguns países que tiveram um primeiro pico da doenças e agora reabrem a economia têm lutado com novas ondas de transmissão. Há muitas nações que veem agora ganhos anteriores na pandemia ser revertidos, ao não seguir as medidas comprovadas, afirmou. "Temos visto (em vários países) as alas hospitalares encherem novamente", advertiu o diretor-geral. "Se precisarmos caminhar de lockdown em lockdown, isso tem um impacto muito grande sobre as sociedades", disse.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade