Alagoas, 24 de junho de 2019 23º min 26º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
Luta

Professora vende lanches para complementar renda

Redação

19/02/2018 15h03

Foto: Bruno Fernandes
Foto: Bruno Fernandes

“Sou de Paulo Jacinto, vim pra Maceió para trabalhar como professora há mais ou menos 15 anos. Faço monitoria e já lecionei para crianças especiais. Trabalho com contratos do governo, de dois em dois anos, mas há seis meses estou parada. Vendo cafezinho, macaxeira e cuscuz. Tem dia que dá dinheiro, tem dia que não. Sou costureira também. Comecei neste ponto quando uma amiga vendia churrasquinho e pediu ajuda. Então, ela ficou no período da manhã e eu à tarde e à noite. Agora é só esperar a próxima monitoria. Enquanto isso, a gente vai levando” - Ana Lídia, 53 - de Paulo Jacinto, trabalha em Maceió.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir 15.2k
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade