Alagoas, 03 de julho de 2020 22º min 27º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
ENTREVISTA

Walter acusa CSA de causar sua suspensão por dopping em 2018

Bruno Fernandes

27/04/2020 16h04

O atacante Walter durante sua passagem pelo CSA
CSAO atacante Walter durante sua passagem pelo CSA

Afastado do futebol por um ano e quatro meses por conta do uso de uma medicação proibida, o atacante Walter fez duras críticas à maneira como foi tratado no CSA, em 2018. O clube alagoano foi último do jogador.

O ataque ao clube aconteceu durante entrevista à Rádio Grenal. Ele contou que foi instruído pelo médico do clube a tomar o medicamento que o tirou por quase dois anos dos gramados por conta de um problema com dopping.

"Eu perguntei para um médico do CSA se eu podia tomar um determinado remédio pra emagrecer e ele disse que sim. Não sei onde ele tava com a cabeça. Mas foi erro meu também. Só que a punição é injusta", revelou.

Ainda segundo o atacante, ele não possui histórico de automedicação. "Foi só um remédio. Eu sei que errei, mas não é pra tanto. Foi o momento mais difícil da minha vida. O CSA me deixou na mão. Não me pagaram nada. Ainda usaram o pretexto do doping pra tirar um dinheiro que já era meu".

Dentre inúmeros temas, o atleta revelou também que está próximo de assinar contrato com um grande clube da primeira divisão do futebol e aguarda com ansiedade o novo desfecho para a carreira.

"Falta pouquinho pra eu voltar. Já estou 90% acertado com um clube pra voltar a jogar. Não assinei contrato ainda, mas já alinhamos toda a situação. É um clube da Série A. É um time top do Brasil. Até fiquei surpreso", contou o jogador na entrevista.

O EXTRA procurou o clube para emitir um posicionamento sobre as acusações. Até o momento, o CSA não respondeu.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade