Alagoas, 13 de dezembro de 2019 24º min 29º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
PONTAPÉ INICIAL

Confira as regras do Campeonato Alagoano de 2020

Assessoria

14/11/2019 13h01

Reunião do conselho arbitral do Campeonato Alagoano 2020 no Misa, em Jaraguá
Assessoria/FAFReunião do conselho arbitral do Campeonato Alagoano 2020 no Misa, em Jaraguá

O pontapé para o Campeonato Alagoano Série A 2020 foi dado pela Federação Alagoana de Futebol. Em reunião do conselho arbitral realizada com os oito representantes de clubes no Museu da Imagem e do Som (Misa), ontem, quarta-feira, 13, ficou definido que o Estadual terá início no dia 22 de janeiro. O formato de disputa deste ano está mantido com novidades.

Na primeira fase, as oito equipes jogam entre si apenas em partidas de ida, em sete rodadas totalizando 28 jogos. Os quatro primeiros colocados avançam para a semifinal, com cruzamento olímpico com partidas de ida e volta. Os vencedores farão a final. O último clube estará rebaixado para o Alagoano Sub-23 – 2ª Divisão 2021. No conselho arbitral foi definido que na primeira fase CSA, CRB, Coruripe e Jaciobá terão quatro mandos de campo.

A ordem ficou estabelecida por conta da classificação final do Campeonato Alagoano 2019. ASA, Murici, CSE e CEO mandarão três partidas na fase inicial. A grande novidade para o próximo ano é a decisão pela terceira vaga na Copa do Brasil. O campeão da Copa Alagoas enfrentará o terceiro colocado do Alagoano em dois jogos valendo uma vaga na Copa do Brasil em 2021. É importante ressaltar que caso o mesmo clube conquiste a Copa Alagoas e seja o terceiro colocado no Estadual, essa equipe assegura a vaga automaticamente.

A FAF promoveu o sorteio do mando de campo do clássico das multidões na primeira fase no Estádio Rei Pelé. Com a presença dos representantes das equipes, o CSA foi sorteado para ser o mandante e ter 70% do público. O CRB terá 30% para o setor de visitantes. A renda do clássico será dividida em 50% para os clubes. Dessa forma, o CRB receberá o ASA no Estádio Rei Pelé e o CSA vai enfrentar o Alvinegro no estádio municipal Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca.

O campeão alagoano 2020 obtém uma vaga no Campeonato Brasileiro da Série D, uma vaga na Copa do Nordeste 2021 e uma vaga na Copa do Brasil 2021. O vice-campeão alagoano 2020 garante uma vaga na Copa do Brasil 2021. Se o campeão alagoano já estiver participando do Campeonato Brasileiro, a FAF seguirá a classificação final do Campeonato Alagoano 2020.

Atletas e treinadores

Cada clube poderá inscrever 38 atletas ao longo do Campeonato Alagoano 2020, sendo 33 jogadores profissionais e mais cinco atletas amadores do Sub-20. As equipes terão que inscrever obrigatoriamente no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF já para a disputa da primeira rodada da primeira fase, bem como, para as demais partidas do campeonato, no mínimo 18 atletas profissionais.

Os clubes poderão trocar de técnico apenas uma vez no Campeonato Alagoano 2020.

Futebol feminino

Outra novidade apresentada no regulamento do Alagoano 2020 é a obrigatoriedade de os oito clubes participarem do Campeonato Alagoano de futebol feminino 2020. A FAF inseriu esse artigo com o objetivo de fomentar e desenvolver a categoria no Estado, contando com a participação das principais equipes do futebol alagoano.

A reunião do conselho arbitral contou com a presença de diversos dirigentes. Representaram a FAF, o vice-presidente Administrativo Eurico Beltrão, o diretor Administrativo Júnior Beltrão, o diretor de competições Luciano Sampaio, o presidente da Comissão de Arbitragem, Charles Hebert e a advogada Leiliane Marinho, da vice-presidência jurídica da FAF. O advogado Vitor Gaia, presidente do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD/AL) também marcou presença no conselho arbitral do Alagoano 2020.

Todos os clubes estiveram presentes. O ASA foi representado pelo diretor Sérgio Lúcio. Fabiano Melo e Humberto Campos, o Betinho, representaram CSA e CRB, respectivamente. O CSE foi representado pelo presidente José Barbosa. O CEO marcou presença por meio do presidente José Wilker. Franciney Joaquim representou o Coruripe. O Murici esteve presente sendo representado pelo presidente de honra, Olavo Neto. E Jorge Gonzaga, o Jorginho, representou o Jaciobá.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade