Alagoas, 19 de setembro de 2021 23º min 28º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
VACINAÇÃO

Organizadores estão otimistas com possibilidade de Carnaval em 2022

R7 com Agências

03/09/2021 08h08

A depender da pandemia, festa está garantida nos polos de folia
Agência BrasilA depender da pandemia, festa está garantida nos polos de folia

Os organizadores dos principais Carnavais do Brasil estão otimistas com a possibilidade da folia no ano que vem. As cidades de São Paulo e Rio de Janeiro, por exemplo, avaliam algumas formas de realização da festa com protocolos de segurança. Entretanto, em todos os casos, os eventos seguem condicionados aos indicadores da pandemia, determinações de autoridades de saúde e o avanço da vacinação contra a covid-19.

De acordo com dados do Ministério da Saúde e do vacinômetro do R7, quase 63% dos brasileiros já receberam uma dose de vacina contra a doença sistêmica, o que corresponde a 132 milhões de pessoas e 30% completaram o esquema vacinal ou tomaram um imunizante de dose única, o que equivale a 64 milhões da população.

A Prefeitura de São Paulo montou dois grupos de trabalho, no início de julho, para tratar sobre o Réveillon e o Carnaval 2022. De acordo com o prefeito Ricardo Nunes (MDB), à época, o assunto foi debatido em reunião ocorrida entre diversas secretarias municipais.

"Na reunião saiu um grupo que vai organizar a questão do Réveillon com as normas, sempre com a [Secretaria de] Saúde junto. O grupo responsável pelo Carnaval de rua será coordenado pelo secretário Alexandre Modonezi, da Secretaria Municipal das Subprefeituras. "O Carnaval de rua, pelo tamanho que a gente espera que seja, deve ser o maior carnaval da história", disse Nunes.

A Liga (Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo) recebeu o posicionamento do poder público recebeu a notícia com otimismo. "Desde o início, a Liga, organizadora oficial dos desfiles no Sambódromo do Anhembi, foi taxativa em afirmar que só consideraria a realização do evento quando os indicadores de controle da covid-19 permitissem. Agora, com o avanço da vacinação e queda no número de internações, é possível planejar a festa", diz um dos trechos da nota.

Rio de Janeiro

A Liesa (Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro) confirma a realização do Carnaval nos dias 27, 28 de fevereiro e 5 de março. A entidade ressalta, no entanto, que para haver desfiles na avenida da Marquês de Sapucaí será fundamental avançar com a imunização contra a covid-19.

A organização, inclusive, já iniciou a pré-reserva de camarotes. Os preços vão de R$ 48 mil a R$ 96 mil. Por meio de comunicado oficial, a Liesa informou que todos os participantes envolvidos deverão cumprir os protocolos determinados pelas autoridades sanitárias na época em que o evento acontecer.

A Liga acrescentou, por fim, que se os desfiles não ocorrerem nas datas previstas por causa da pandemia, já há um acordo com a Riotur (Empresa de Turismo do Município) e com a Prefeitura para que os desfiles ocorram no segundo fim de semana do mês de julho de 2022.

Em julho, o prefeito do Rio Eduardo Paes disse esperar que a imunização da população esteja concluída no Carnaval e que, com isso, seja possível realizar a festa sem que os foliões precisem apresentar resultado de testes.

"Para ter Carnaval, não dá para ficar exigindo: testou entra no bloco, não testou, não entra na Sapucaí. Isso seria impossível. É torcida, esperança, fé, crença de que vamos ter Carnaval porque vai estar todo mundo protegido", afirmou o prefeito, à época.

Há planos para a realização do Carnaval de rua. Segundo orientações publicadas pela Riotur, no dia 20 de agosto, deve haver 40 dias de cortejo pelas ruas da cidade já a partir do fim de janeiro.

Pernambuco

Os organizadores do desfile do Galo da Madrugada, em Recife, Pernambuco, anunciaram no dia 1º de agosto o tema da 44ª edição: Viva a Vida, Viva o Frevo. O cantor Claudionor Germano será o grande homenageado da festa, programada para acontecer no dia 26 de fevereiro de 2022. A informação foi confirmada por meio de publicação nas redes sociais.

No entanto, vale ressaltar, que os eventos ainda permanecem proibidos pelo governo estadual. Ao longo de setembro, eventos-testes vão avaliar a segurança e analisar possíveis flexibilizações de políticas públicas de combate à covid-19. A realização também depende, entre outras coisas, da redução dos indicadores da doença.

Bahia

A Prefeitura de Salvador está otimista para uma eventual realização do Carnaval 2022. Segundo o prefeito Bruno Reis (DEM), o avanço da vacinação contra a covid-19 deve contribuir para folia no ano que vem.

Mesmo que ainda não exista uma certeza quanto a realização da festa, principalmente por conta das incertas com a variante Delta no Brasil, diversos camarotes e blocos já estão comercializando os famosos abadás. Os anúncios de programações e passes estão em sites como Camarote Skol e Camarote Salvador, por exemplo.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade