Alagoas, 26 de julho de 2021 23º min 26º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
FAMOSOS

DJ Ivis é preso após vídeos que mostram agressões contra ex-mulher

Isabela Melissa - Estagiária sob supervisão

14/07/2021 20h08 - Atualizado em 14/07/2021 21h09

DJ Ivis é preso
(Foto: Bárbara Moira/O Povo/Rede Nordeste)DJ Ivis é preso

Foi preso hoje no Ceará o cantor Iverson de Souza Araújo, de 30 anos, conhecido como DJ Ivis, em um condomínio de luxo de Aquiraz. Ele é investigado por lesão corporal após agredir a mulher, Pamella Holanda. A prisão na Delegacia Metropolitana da Polícia Civil de Eusébio é preventiva. O UOL confirmou a informação divulgada pelo governador Camilo Santana (PT) no Twitter.

"Acabo de ser informado pelo nosso secretário de Segurança da prisão do DJ Ivis, no caso das agressões a Pamella Holanda. A prisão preventiva havia sido solicitada ontem pela nossa Polícia Civil e decretada há pouco pela Justiça. Que responda pelo crime cometido", afirma o governador.

A captura ocorreu por força de um mandado de prisão preventiva apresentado pela Polícia Civil. Segundo o delegado titular, Tarcio Facó, a prisão foi decretada para garantir a ordem e a lei, já que o DJ Ivis tem "histórico agressivo".

O cantor é investigado por lesão corporal no âmbito da violência doméstica e familiar. Após ser detido, DJ Ivis foi encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal) para realização de exame de corpo de delito.

Na sequência, o artista vai para o departamento de capturas da Polícia Civil e passará por um centro de triagem antes da prisão. Por não ter curso superior, DJ Ivis pode ficar em uma cela comum durante o período de detenção.

Detalhes da ação policial serão divulgados amanhã, às 11h00, em coletiva de imprensa, na sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), em Fortaleza. Também deverá ser confirmada a penitenciária em que DJ Ivis permanecerá preso. 

Pamella Holanda denunciou a agressão no dia 3 de julho na delegacia da cidade de Eusébio, região metropolitana de Fortaleza, Ceará. No último domingo (11), ela compartilhou no Instagram os vídeos em que aparece sendo.

Ao presenciar um episódio de agressão contra mulheres, ligue para 190 e denuncie

Casos de violência doméstica são, na maior parte das vezes, cometidos por parceiros ou ex-companheiros das mulheres, mas a Lei Maria da Penha também pode ser aplicada em agressões cometidas por familiares. Também é possível realizar denúncias pelo número 180 — a Central de Atendimento à Mulher, que funciona em todo o país e no exterior, 24 horas por dia. 

A ligação é gratuita. O serviço recebe denúncias, dá orientação de especialistas e faz encaminhamento para serviços de proteção e auxílio psicológico.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade