Alagoas, 26 de setembro de 2020 23º min 27º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
ELEIÇÕES 2020

Prazo para transferência temporária de eleitor vai até 1º de outubro

Pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, policiais e bombeiros que trabalharão na eleição, magistrados e promotores podem requerer

Assessoria

15/09/2020 16h04

Titulo de eleitor
DivulgaçãoTitulo de eleitor

Termina em 1º de outubro o prazo para que os eleitores solicitem a transferência temporária para votar em uma seção com acessibilidade ou diferente daquela que consta no seu título de eleitor.

A Transferência Temporária de Eleitor (TTE), para as eleições municipais, é facultada a determinados eleitores, como membros das Forças Armadas, policiais federais, civis e militares, bombeiros e guardas municipais que estiverem em serviço por ocasião da eleição, pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, mesários e convocados para o apoio logísticos, juízes, promotores e servidores da Justiça Eleitoral.

Para requerer a transferência temporária, o eleitor deve estar com seu título em situação regular. A solicitação deve ser feita por meio do preenchimento dos formulários que estão disponíveis no portal do Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE/AL), no link Eleitor/Eleições.

Após preenchido, o formulário deve ser enviado ao cartório eleitoral onde o eleitor está inscrito através do e-mail. No portal www.tre-al.jus.br há uma lista completa dos e-mails dos cartórios.

Para que o cartório efetive a transferência, o eleitor deve anexar ao e-mail os seguintes documentos, além do formulário preenchido: imagem do documento oficial de identificação (frente e verso) e uma foto no estilo selfie segurando o documento ao lado do rosto, de forma que possibilite a identificação.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade